Os dois Brasis: o rural e o urbano nas publicações e pesquisas do Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais (1956-1964)

Conteúdo do artigo principal

Fernando César Ferreira Gouvêa
http://orcid.org/0000-0002-3537-7559

Resumo

O presente artigo tem como objeto de estudo as publicações e pesquisas desenvolvidas pelo Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais (CBPE) - no período de 1956 a 1964 - que tiveram como centralidade as relações entre Educação e Sociedade numa trama que conduziu ao cotejamento entre o “mundo rural” e o “mundo urbano” numa perspectiva histórica, educacional e sociológica. Trata-se de uma pesquisa histórica e documental com aportes da História Cultural no que tange aos impressos do CBPE como estratégia de legitimação institucional no campo da pesquisa no arco de tempo em tela. Os objetivos estão assentados na compreensão da metodologia de pesquisa utilizada pelo CBPE, no trabalho de campo realizado pelos/as pesquisadores/as na construção dos relatórios finais de pesquisa e no exame destes relatórios. As fontes utilizadas para a sustentação desta tese são a Revista Educação e Ciências Sociais, o Boletim Mensal do CBPE e os livros publicados pela instituição. Desta forma, temos a seguinte problematização: como resultados e ações de desdobramentos das pesquisas, a instituição manteve-se no posicionamento tradicional e dicotômico de um mundo urbano como signo de progresso e um mundo rural como sinônimo de atraso ou abriu espaço para um pensamento  e ações pedagógicas plurais em consonância com um olhar menos classificatório e mais preocupado com os possíveis diálogos entre o rural e o urbano?

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Gouvêa, F. C. F. . (2020). Os dois Brasis: o rural e o urbano nas publicações e pesquisas do Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais (1956-1964). Cadernos De História Da Educação, 19(3), 764–782. https://doi.org/10.14393/che-v19n3-2020-7
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Fernando César Ferreira Gouvêa, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (Brasil)

http://orcid.org/0000-0002-3537-7559
http://lattes.cnpq.br/6186337020612168
gouveafcf@uol.com.br

Referências

ALBERSHEIM, Úrsula. Uma comunidade Teuto-Brasileira. Coleção O Brasil Provinciano. Rio de Janeiro: INEP/CBPE, 1962.

BOTELHO, André; BASTOS, Elide Rugai; BÔAS, Glaucia Villas (orgs.). O moderno em questão: a década de 1950 no Brasil. Rio de Janeiro: Topbooks Editora, 2008.

BRASIL. Ministério da Educação e Saúde. Decreto-Lei n. 8.585, de 8 de janeiro de 1946. Dispõe sôbre a adaptação dos serviços do ensino primário nos Estados, Territórios e Distrito Federal, a Lei Orgânica do Ensino Primário. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Poder Executivo, Rio de Janeiro, DF, Seção 1, p. 396, 10 jan.. 1946. Disponível em http://www2.camara.leg.br/legin/fed/declei/1940-1949/decreto-lei-8585-8-janeiro-1946-416400-publicacaooriginal-1-pe.html

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Decreto n. 38.460, de 28 de dezembro de 1955. Institui o Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais e centros regionais. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Poder Executivo, Rio de Janeiro, DF, Seção 1, p. 23.778, 29 dez. 1955. Disponível em http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1950-1959/decreto-38460-28-dezembro-1955-334313-republicacao-49484-pe.html.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Plano de Organização do Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais e dos Centros Regionais, 1956.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Revista Educação e Ciências Sociais. Rio de Janeiro: CBPE/INEP/MEC, n. 1 ao n. 21, 1956-1962.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Boletim Mensal do Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais. Rio de Janeiro: CBPE/INEP/MEC, n. 1 ao n. 81, 1957-1964.

CARVALHO, Delgado de. História Geral na Antiguidade. Série I – Guias de Ensino – Escola Secundária. Rio de Janeiro: INEP/CBPE, 1956.

CARVALHO, Delgado de. História Geral na Idade Média. V. 1 e 2. Série I – Guias de Ensino – Escola Secundária. Rio de Janeiro: INEP/CBPE, 1959.

CARVALHO, Delgado de. História Geral da Idade Contemporânea. Série I – Guias de Ensino – Escola Secundária. Rio de Janeiro: INEP/CBPE, 1966.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano. Petrópolis: Vozes, 1994.

CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Rio de Janeiro: Bertrand, 1990.

FAUSTO, Boris. História do Brasil. 14 ed. São Paulo: EDUSP, 2012.

FREITAS, Marcos Cezar de. A pesquisa educacional como questão intelectual na história da Educação brasileira. In: FREITAS, Marcos Cezar de (org.). Memória intelectual da educação brasileira. Bragança Paulista: EDUSF, p. 65-84, 1999.

GOUVÊA, Fernando. “Dr. Anísio, ele pensava e executava”: a trajetória de Anísio Teixeira no campo da formação de professores no Brasil (1924-1950. Revista Contemporânea de Educação, n.8, agos./dez., 2009. Disponível em https://revistas.ufrj.br/index.php/rce/article/view/1594/1442.

GOUVÊA, Fernando. Tudo de novo no front: o impresso como estratégia de legitimação do Centro Brasileiro de Pesquisas Educacionais (1952-1964). Tese (Doutorado em Educação). Departamento de Educação. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.

GOUVÊA, Fernando. Um percurso com os boletins da CAPES: a contribuição de Anísio Teixeira para a institucionalização da pós-graduação no Brasil. 200 f. Dissertação (Mestrado em Educação). Departamento de Educação. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2001.

HOLLANDA, Guy de. Um quarto de século de Programas e Compêndios de História para o Ensino Secundário – 1931/1956. Série IV – Currículos, Programas e Métodos. Rio de Janeiro: INEP/CBPE, 1957.

IANNI, Octávio. Estado e Planejamento Econômico no Brasil. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1986.

LAMBERT, Jacques. Os dois brasis. Série VI – Sociedade e Educação. Rio de Janeiro:INEP/CBPE, 1959.

MELLO, João Manuel Cardoso; NOVAIS, Fernando. Capitalismo tardio e sociabilidade moderna. História da vida privada no Brasil. Vol. 4. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

MENDONÇA, Ana Waleska; BRANDÃO, Zaia (orgs.). Por que não lemos Anísio Teixeira?- uma tradição esquecida. Rio de Janeiro: Ravil, 1997.

MEUCCI, Simone. Gilberto Freyre no comando do Centro Regional de Pesquisas Educacionais do Recife: educação em debate (1957 – 1964). Sociologia e Antropologia, vol.5, n.1, pp.129-155, 2015. https://doi.org/10.1590/2238-38752015v516

SANTOS, Márcia dos. O Centro Regional de Pesquisas Educacionais de São Paulo (1956-1961). FERREIRA, Márcia dos Santos. O Centro Regional de Pesquisas Educacionais de São Paulo (1956-1961). Dissertação (Mestrado em Educação). Departamento de Educação. Universidade de São Paulo, São Paulo, 2001.

SODRE, Nélson Werneck. O que se deve ler para conhecer o Brasil. Série III – Livros Fonte. Rio de Janeiro: INEP/CBPE, 1957.

TAVARES, Luís Henrique Dias. Fontes para o Estudo da Educação no Brasil – Bahia. Série IX - Levantamentos Bibliográficos. Rio de Janeiro:INEP/CBPE, 1959.

VIZENTINI, Paulo G. Fagundes. Do nacional-desenvolvimentismo à Política Externa Independente (1945-1964). In FERREIRA, Jorge; DELGADO, Lucilia de Almeida Neves. O tempo da experiência democrática: da democratização de 1945 ao golpe civil-militar de 1964. Coleção O Brasil Republicano. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

XAVIER, Libânia Nacif. O Brasil como laboratório: educação e ciências sociais no projeto do centro brasileiro de pesquisas educacionais CBPE/MEC/Inep (1950/1960). Bragança Paulista: IFAN/CDAPH/EDUSF, 1999.

XAVIER, Libânia Nacif (coord.). Documento: Espaço Anísio Teixeira: referência para a pesquisa educacional no Brasil. UFRJ: PROEDES, 2004.

XAVIER, Maria do Carmo. A tradição (re) visitada: a experiência do Centro Regional de Pesquisas Educacionais de Minas Gerais CRPEMG. Tese (Doutorado em Educação). Departamento de Educação. Universidade Federal de Minas Gerais, 2007.