A criação de Institutos de Educação no Brasil como parte de uma história conectada da formação de professores

Conteúdo do artigo principal

Diana Gonçalves Vidal
https://orcid.org/0000-0002-7592-0448
Rafaela Silva Rabelo
https://orcid.org/0000-0002-7883-7914

Resumo

O presente artigo tem como objetivo discorrer sobre o papel tanto da New Education Fellowship (NEF) quanto do Teachers College (TC) da Columbia University como centros de legitimação da educação enquanto campo acadêmico emergente e como epicentros de redes de trabalho na educação. Para tanto, exploramos a constituição dos Institutos de Educação do Rio de Janeiro e de São Paulo nos anos 1930 entrelaçada ao movimento da Educação Nova, buscando evidenciar conexões, perscrutando a circulação de sujeitos e ideias no que podemos considerar uma história conectada da formação de professores. Baseamo-nos em bibliografia correlata e em fontes tais como revistas pedagógicas, programas de ensino e relatórios. A discussão aponta para uma trama de relações que interligava sujeitos e lugares nos anos 1920 e 1930, desempenhada por instituições como a NEF e o TC, que se constituíam em territórios sociais e epistemológicos congregados sobre a produção de repertórios acerca da Educação Nova.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
Vidal, D. G., & Rabelo, R. S. (2019). A criação de Institutos de Educação no Brasil como parte de uma história conectada da formação de professores. Cadernos De História Da Educação, 18(1), 208–220. https://doi.org/10.14393/che-v18n1-2019-12
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Diana Gonçalves Vidal, Universidade de São Paulo (Brasil)

Professora Titular de História da Educação na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Diretora do Instituto de Estudos Brasileiros da mesma Universidade. Pesquisadora 1B do CNPq. Membro do Comitê Executivo e Tesoureira da International Standing Conference for the History of Education. Coordenadora do Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas em História da Educação (NIEPHE). E-mail: dvidal@usp.br. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-7592-0448. LATTES: http://lattes.cnpq.br/9794987194529294.

Rafaela Silva Rabelo, Universidade de São Paulo (Brasil)

Doutora em Educação, na linha História da Educação, pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Pós-doutoranda na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Pesquisadora do Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas em História da Educação (NIEPHE). E-mail: rafaelasilvarabelo@hotmail.com. ORCID: https://orcid.org/0000-0002-7883-7914. LATTES: http://lattes.cnpq.br/0470881186261417.

Referências

ALDRICH, R. The training of teachers and educational studies: the London Day Training College, 1902-1932. Paedagogica Historica, v. 40, n. 5-6, p. 617-631, 2004.https://doi.org/10.1080/0030923042000293689.

ARQUIVOS DO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, Distrito Federal, v.1, n.3,p. 295-359, mar.1937.

BREHONY, K.J. A new education for a new era: the contribution of the conferences of the New Education Fellowship to the disciplinary field of education 1921-1938. Paedagogica Historica, v. 40, n. 5-6, p. 733-755, 2004.https://doi.org/10.1080/0030923042000293742.

CARVALHO, M. M. C. O Manifesto e a Liga Internacional pela Educação Nova. In: XAVIER, M. C. (org.). Manifesto dos pioneiros da educação:um legado educacional em debate. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2004.

COQUOZ, J. Le Home «Chez Nous» commemodèle d’attention à l’enfance. Educació i Història: Revista d’Història de l’Educació,n.20, p. 27-46, julio-desembre, 2012.

CORREIA, L. G. “The right kind of education for the right individual”: comparative education studies according to the Educational Yearbook of the Teachers College (1924-1944). History of Education, v. 40, n. 5, p. 577-598, 2011.https://doi.org/10.1080/0046760X.2011.558122.

CREMIN, L.A.; SHANNON, D.A.; TOWNSEND, M.E.A history of Teachers College Columbia University.Nova Iorque: Columbia University Press, 1954.

CREMIN, L. A. The transformation of the school:progressivism in American education (1876-1957). Nova Iorque: Vintage Books, 1964.

CUNHA, M. V. John Dewey no Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova. Cadernos de História da Educação, v. 16, n. 2, p. 474-486, 2017. https://doi.org/10.14393/che-v16n2-2017-9.

EVANGELISTA, O.A formação Universitária do Professor. O Instituto de Educação da Universidade de São Paulo (1934-1938). Florianópolis: NUP; Cidade Futura, 2002.

FONSECA, N. M. L. Alda Lodi, entre Belo Horizonte e Nova Iorque:um estudo sobre a formação e atuação docentes 1912-1932. 159 f. Dissertação (Mestrado em Educação) –Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2010.

FUCHS, E.Educational sciences, morality and politics: international educational congresses in the early twentieth century, Paedagogica Historica,v. 40, n. 5-6, p. 757-784, 2004.https://doi.org/10.1080/0030923042000293751.

FUCHS, E.Networks and the History of Education, Paedagogica Historica, v.43, n.2, p. 185-197, 2007.https://doi.org/10.1080/00309230701248271.

JENKINS, C.M. The professional middle class and the social origins of progressivism: a case study of the New Education Fellowship, 1920-1950. 439 f. Tese (Doutorado) –Institute of Education, University of London, 1989.

LACOMBE, L.L’enseignement public a Rio de Janeiro. Pour L’Ére Nouvelle, n. 31, p. 218-219, 1927.

LAWSON, M. D. The New Education Fellowship: the formative years. Journal of Educational Administration and History, v. 13, n. 2, p. 24-28,1981.https://doi.org/10.1080/0022062810130204.

LAWN, M.Um conhecimento complexo: o historiador da educação e as circulações transfronteiriças.Trad.: Rafaela Silva Rabelo.Revista Brasileira de História da Educação, Maringá, v. 14, n. 1, p. 127-144, 2014.

LARSSON, Y.The world Education Fellowship: it's origins and development with particular emphasis on New South Wales, the first Australian Section. Working Paper, no. 16. Australian Studies Centre. Institute of Commonwealth Studies, University of London, 1987.

MACIEL, F.Lucia Casasanta e o método global de contos:uma contribuição à história da educação em Minas Gerais. Tese (Doutorado em Educação) –Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2001.

McCULLOCK, G.Fred Clarke and the internationalisation of studies and research ineducation. Paedagogica historica,v.50, n. 1-2, p. 123-137, Fev.-Abr., 2014.https://doi.org/10.1080/00309230.2013.872687.

MIDDLETON, S. Clare Soper’s hat: New Education Fellowship correspondence between Bloomsbury and New Zealand, 1938-1946. History of Education, v. 42, n. 1, p. 92-114, 2013.https://doi.org/10.1080/0046760X.2012.678889.

MIDDLETON, S. New Zealand Theosophists in “New Education” networks, 1880s-1938. History of Education Review, v. 46, n. 1, p. 42-57, 2017.https://doi.org/10.1108/HER-10-2015-0024.

RABELO, R. S. Isaias Alves e as aproximações entre a psicologia educacional e a educação matemática. Educação e Pesquisa, v. 44, p. 1-19, 2018.

RABELO, R.S. Destinos e trajetos:Edward Lee Thorndikee John Dewey na formação matemática do professor primário no Brasil (1920-1960). 286f. Tese (Doutorado em Educação) –Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016.

RUGG, H. Education and international understanding. Progressive Education, v. 8 n. 4, p. 294-302, 1931.

SILVEIRA, J. A influência de Lourenço Filho no Distrito Federal. In: Um educador brasileiro: Lourenço Filho. Livro Jubilar da Associação Brasileira de Educação. São Paulo: Melhoramentos, 1959.

TOLEDO, M.R.; CARVALHO, M.A tradução de John Dewey na coleção autoral biblioteca da educação.Educação & Sociedade, Campinas, v. 38, n. 141, p.999-1015, out.-dez., 2017.https://doi.org/10.1590/es0101-73302017157307.

VIDAL, D.G. O exercício disciplinado do olhar: livros, leituras e práticas de formação docente no Instituto de Educação do Distrito Federal (1932-1937). Bragança Paulista: EDUSF, 2001.

WARDE, M. J. Noemy da Silveira Rudolfer. In: FÁVERO, M. L. A.; BRITTO, J. M. (orgs.). Dicionário de educadores no Brasil:da colônia aos dias atuais. 2 ed. Rio de Janeiro: Editora UFRJ/MEC-Inep-Comped, 2002.

WASHBURNE, C.What is progressive education?Nova Iorque: The John Day Company, 1952.

WATRAS, J.The New Education Fellowship and UNESCO’s programme of fundamental education. Paedagogica historica,v.47, n. 1-2, p. 191-205, Fev.-Abr.,2011.https://doi.org/10.1080/00309230.2010.530274