ANÁLISE INTEGRADA DE DADOS ESPACIAIS UTILIZANDO MULTICRITÉRIO PARA A DELIMITAÇÃO DE CORREDORES ECOLÓGICOS

Autores

Resumo

O objetivo da pesquisa foi analisar o relacionamento espacial das variáveis do meio físico, utilizando análise de multicritério para a delimitação de corredores ecológicos. Foram utilizados os procedimentos adotados por Ross (1993) de fragilidade ambiental e por Saaty (1997), o método de decisão em níveis hierárquicos (AHP) utilizando os softwares ArcGis e Spring. Os resultados indicam que a área de estudo apresenta 69,5% de fragilidade Muito Fraca e Fraca, sendo influenciada pela pastagem e por fragmentos de vegetação e as classes de fragilidade Média e Forte apresentam um total de 28,33% de área considerada com potencial para ocorrência de processo de erosivos. Na avaliação da distância das variáveis físicas foi possível identificar o comportamento das variáveis e definir a escolha das áreas mais favoráveis para a delimitação dos corredores ecológicos. No mapa de viabilidade de corredores identificamos que 52% da área de estudo possui viabilidade Muito Alta e Alta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Rodrigues Santos, Universidade do Estado do Mato Grosso, Campus Universitário de Sinop-MT

Doutora em Geografia, professora da Faculdade de Educação e Linguagem, Departamento de Geografia - Universidade do Estado do Mato Grosso, Campus Universitário de Sinop-MT.

Paulo Cesar Rocha, Universidade Estadual Paulista

Doutor em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais, professor da Faculdade de Ciências e Tecnologia, Departamento de Geografia - Universidade Estadual Paulista, Campus de Presidente Prudente-SP.

Downloads

Publicado

2019-12-19