Influência da concentração, do fotoperíodo e da temperatura de armazenamento na germinação de urediniósporos de Olivea tectonae

Authors

  • Ana Carolina Hackbarth Universidade Federal do Mato Grosso
  • Solange Maria Bonaldo Universidade Federal do Mato Grosso
  • Rogelho Alexandre Trento Universidade Federal de Mato Grosso
  • Alana Santana Ribeiro Universidade Federal do Mato Grosso

Abstract

A ferrugem da teca, causada pelo fungo Olivea tectonae, foi constatada no estado do Mato Grosso em 2009, no município de Sinop e nos anos seguintes foi observada em outras regiões do estado. A doença causa manchas necróticas nas folhas da planta, que correspondem aos urediniósporos localizados abaixo da epiderme das folhas e, quando em grande intensidade, levam a desfolha precoce da planta. As plantas desfolhadas ficam debilitadas, o que afeta a produção de madeira. Os objetivos deste trabalho foram: (i) avaliar a influência da concentração e do fotoperíodo na germinação de urediniósporos de O. tectonae; (ii) avaliar a influência da temperatura de armazenamento dos urediniósporos, coletados de folhas caídas e de folhas ainda nas plantas, na germinação destes esporos. Os resultados obtidos mostraram que os maiores níveis de germinação foram na concentração de 6,25 x 10â´ esporos mL-1 exposto à luz constante por 24 horas (92,75%). Porém quando submetidos ao escuro absoluto, houve germinação de 91,31%, o que significa que esporos de O. tectonae podem germinar na presença e na ausência de luz. Verificou-se que a percentagem de germinação foi maior nos esporos coletados de folhas ainda na planta e armazenados a temperatura de -2°C.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-02-20

How to Cite

HACKBARTH, A.C., BONALDO, S.M., TRENTO, R.A. and RIBEIRO, A.S., 2014. Influência da concentração, do fotoperíodo e da temperatura de armazenamento na germinação de urediniósporos de Olivea tectonae . Bioscience Journal [online], vol. 30, no. 2, pp. 340–348. [Accessed1 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/17181.

Issue

Section

Agricultural Sciences