Bactérias diazotróficas associadas a raízes de cana-de-açúcar: solubilização de fosfato inorgânico e tolerância à salinidade

Authors

  • Isaneli Batista dos Santos Unidade Acadêmica de Garanhuns / Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Danubia Ramos Moreira de Lima UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO
  • Jesimiel Gomes Barbosa UNIDADE ACAD
  • João Tiago Correia Oliveira UNIDADE ACAD
  • Fernando José Freire UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO
  • Júlia Kuklinsky-Sobral UNIDADE ACAD

Keywords:

Bactérias Endofíticas, Cana-de-açúcar, Cloreto de sódio, Rizosfera

Abstract

O uso de micro-organismos na agricultura é uma alternativa amplamente pesquisada e disseminada, que busca a diminuição no uso de fertilizantes químicos com consequente redução da degradação do meio ambiente. O objetivo deste trabalho foi avaliar a capacidade de solubilização de fosfato inorgânico (SFI) e o crescimento bacteriano em meio de cultura livre de fonte nitrogenada sob diferentes concentrações de NaCl de isolados bacterianos diazotróficos, associados a raízes de plantas de cana-de-açúcar. Foram avaliados 30 isolados, 15 endofíticos de raiz e 15 da rizosfera. A seleção de bactérias SFI foi realizada em meio sólido contendo fosfato insolúvel, avaliando-se o índice de solubilização (IS). Para a avaliação da influência de sal sobre o crescimento bacteriano em meio livre de nitrogênio, as bactérias foram cultivadas em meio NFb semi-sólido, acrescido de 0; 2,5; e 5% de NaCl. Foi possível observar que 90% dos isolados diazotróficos foram capazes de solubilizar fosfato inorgânico e que os isolados da rizosfera apresentaram os maiores IS. Quanto ao crescimento em meio NFb, foi observado que na ausência do sal todas as bactérias foram capazes de crescer. Contudo, 60% dos isolados foram capazes de crescer em meio NFb acrescido de 2,5% de NaCl e 17% em 5% de NaCl. Quando considerado o nicho do qual as bactérias foram isoladas, observou-se que as bactérias diferiram quanto à capacidade de crescer em meio NFb sob diferentes concentrações de NaCl. Os resultados permitem inferir que esses isolados bacterianos têm aplicações tecnológicas como promotores de crescimento vegetal, inclusive em solos salinos.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Isaneli Batista dos Santos, Unidade Acadêmica de Garanhuns / Universidade Federal Rural de Pernambuco

Agronomia / Microbiologia do Solo

Danubia Ramos Moreira de Lima, UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO

Abronomia / Microbiologia do Solo

Jesimiel Gomes Barbosa, UNIDADE ACAD

Agronomia / Microbiologia do Solo

João Tiago Correia Oliveira, UNIDADE ACAD

Zootecnia / Microbiologia e Forragicultura

Fernando José Freire, UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO

Agronomia / Fertilidade

Júlia Kuklinsky-Sobral, UNIDADE ACAD

Agronomia / Genética e Microbiologia

Published

2012-02-02

How to Cite

SANTOS, I.B. dos, LIMA, D.R.M. de, BARBOSA, J.G., OLIVEIRA, J.T.C., FREIRE, F.J. and KUKLINSKY-SOBRAL, J., 2012. Bactérias diazotróficas associadas a raízes de cana-de-açúcar: solubilização de fosfato inorgânico e tolerância à salinidade . Bioscience Journal [online], vol. 28, no. 1. [Accessed28 May 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/13254.

Issue

Section

Supplement 1 - XXXIII Congresso Brasileiro de Ciência do Solo