Processo de Endividamento Brasileiro: uma Análise de Sustentabilidade para o Século XXI

Autores

  • Ricardo de Souza Tavares Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Iuna Lamb Scheffler Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Gabriel Sallum Pentagna Guimarães Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v34n2a2020-42699

Resumo

O debate acerca do processo de endividamento público tem ganhado força nos últimos anos. De forma que se faz necessário verificar de modo técnico a atual situação fiscal do país, assim como avaliar sua evolução. Para tanto do ponto de vista de teoria econômica foi utilizada a hipótese clássica do orçamento equilibrado, com auxílio de uma abordagem econométrica baseada em testes de estacionaridade e cointegração das variáveis fiscais, contemplando o período de 2000 a 2017. Os resultados apontam que o déficit público tem apresentado um comportamento não estacionário, além da ausência de cointegração entre receitas e despesas do governo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-04-29

Edição

Seção

Artigos