Impactos da dependência de insumos importados sobre a geração de emprego na indústria brasileira entre 1995 e 2008

Autores

  • Valéria Silva Mortari Universidade Federal de Uberlândia
  • Maria Aparecida Silva Oliveira UFSCar

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v33n1a2018-39181

Resumo

Este trabalho analisa a variação do emprego industrial brasileiro que decorre da crescente inserção de insumos importados à produção. Para atender o objetivo de pesquisa empregou-se o método de análise insumo-produto, o qual permitirá identificar quais setores que, pela troca de fornecedores internos por externos, apresentaram uma variação negativa de postos de trabalho. Observou-se que o período mais custoso em relação à variação de emprego foi o de 1995-1999, em que o efeito positivo da demanda final foi relativamente baixo para sobrepor-se aos efeitos de mudança tecnológica e da substituição de insumos nacionais que no geral foram negativos e elevados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Aparecida Silva Oliveira, UFSCar

Possui doutorado em Economia Aplicada pela Universidade Federal de Viçosa (2006), mestrado em Economia Rural pela Universidade Federal do Ceará (2003) e graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Regional do Cariri (2000).  Atualmente é professora associada da Universidade Federal de São Carlos. 

Downloads

Publicado

2019-06-04

Edição

Seção

Artigos