Abertura Comercial na Argentina, Brasil e Chile em Perspectiva Comparada

Autores

  • Artur Tranzola Santos

Resumo

Resumo: Este artigo visa apresentar as variáveis que mais influenciaram os períodos das reformas comerciais neoliberais empreendidas na Argentina, no Brasil e no Chile. Dado que a literatura apresenta o caso chileno como um exemplo bem-sucedido neste processo, o Brasil como um caso moderado, e a Argentina de grande insucesso, é interessante analisá-los comparativamente visando determinar quais os fatores responsáveis pelos resultados finais alcançados. Não se pretende tratar o processo de liberalização como um encômio, mas sim entender o porquê dessas três economias terem apresentado resultados tão variados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-10-15

Como Citar

SANTOS, A. T. Abertura Comercial na Argentina, Brasil e Chile em Perspectiva Comparada. Revista Economia Ensaios, Uberlândia, Minas Gerais, Brasil, v. 27, n. 1, 2013. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeconomiaensaios/article/view/19678. Acesso em: 30 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos