Modernização empresarial e tecnológica e seus impactos na organização do trabalho e nas questões ambientais na agroindústria canavieira

Autores

  • CARLOS EDUARDO FREITAS VIAN ESALQ /USP
  • DANIEL BERTOLI GON Univ. Estadua Paulista Júlio de Mesquita Filho

Resumo

RESUMO: Este artigo analisa a modernização empresarial e tecnológica da agricultura e da agroindústria canavieira a partir da segunda metade do século XX, mostrando as principais inovações adotadas, seus impactos na elevação da produtividade agrícola e industrial, na geração de emprego no campo, e sua relação com o meio-ambiente. Este processo foi desigual nas duas principais regiões produtoras, Norte-Nordeste e Centro-Sul, e não foi capaz de eqüalizar o desenvolvimento técnico e social destas, persistindo a convivência de estruturas produtivas atrasadas e modernas. Apesar dos avanços econômicos obtidos nos últimos anos, a agroindústria canavieira continua sendo apontada como responsável pelos problemas sociais e ambientais nas regiões produtoras, onde proliferam ações trabalhistas e civil-públicas contra as atividades deste setor. A crescente fiscalização do Ministério Público, demais órgãos do Estado, das organizações não-governamentais e das certificadoras tem induzido o respeito à legislação trabalhista e às convenções coletivas de trabalho. PALAVRAS-CHAVES: Progresso técnico. Complexo agroindustrial canavieiro. Políticas públicas. Meio-ambiente. KEYWORDS: Progress technician. Agro-industrial complex canavieiro. Public politics. Halfenvironment.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-02-20

Edição

Seção

Artigos