(Des) Encontros na rede de cuidados em saúde

Autores

  • Tayná Portilho do Prado Prefeitura Municipal de Uberlândia
  • Eliane Regina Pereira Universidade Federal de Uberlândia

DOI:

https://doi.org/10.14393/REE-v14n22015_rel05

Palavras-chave:

Psicologia em saúde, Integralidade, Promoção da saúde.

Resumo

Este relato propõe discutir os encontros e desencontros entre
profissionais de saúde no serviço público, atentando para os princípios
do Sistema Único de Saúde (SUS) e para as contribuições da equipe
interdisciplinar, a partir de um recorte do grupo de promoção da
saúde na infância em uma Unidade Básica de Saúde no interior de
Minas Gerais. O texto conta a história de Lucas, que experimenta,
de forma desarticulada, vários pontos da rede de saúde, trilhando um
curto caminho entre o relatório da escola, o diagnóstico de Transtorno
de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e a consequente
medicalização. A reflexão sobre esse caminho e os desencontros nele
experimentados possibilita, a nosso ver, a construção de um serviço
de saúde ampliado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eliane Regina Pereira, Universidade Federal de Uberlândia

Instituto de Psicologia

Nucleo Psicologia Social e da Saúde

Psicologia, saúde e atividade estética

Referências

BOING, E.; CREPALDI, M. A. O psicólogo na atenção básica: uma incursão pelas políticas públicas de saúde brasileiras. Psicologia Ciência e Profissão, Brasília, v. 30, n. 3, p. 634-649, set. 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_ arttext&pid=S1414-98932010000300014>. Acesso em: 19 jul. 2015.

BONDÍA, J. L. Notas sobre a experiência e o saber de experiência. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n. 19, p. 20-28, jan./fev./mar./abr. 2002. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ rbedu/n19/n19a02.pdf>. Acesso em: 19 jul. 2015.

BRASIL. Ministério da Saúde. Clínica ampliada, equipe de referência e projeto terapêutico singular. 2007. Disponível em: <http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/clinica_ampliada_ equipe_referencia_2ed_2008.pdf>. Acesso em: 19 jul. 2015.

______. Ministério da Saúde. Política nacional de atenção básica. 2006. Disponível em: <http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/ politica_nacional_atencao_basica_2006.pdf>. Acesso em: 19 jul. 2015.

CAMPOS, G.; DOMITTI, A. C. Apoio matricial e equipe de referência: uma metodologia para gestão do trabalho interdisciplinar em saúde. Caderno de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 23, n. 2, p. 399-407, fev. 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo. php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2007000200016> Acesso em: 19 jul. 2015.

FRUTUOSO, J. T.; SAUR, B. O sistema único de saúde brasileiro e a clínica ampliada. In: ZURBA, M. C. (Org.). Psicologia e Saúde Coletiva. Florianópolis: Tribo da Ilha, 2012. p. 41-50.

SARAMAGO, J. Todos os nomes. 12 ed. São Paulo: Cia da Letras, 2004. 280p.

ZANELLA, A. V. Sujeito e alteridade: reflexões a partir da psicologia histórico-cultural. Psicologia e Sociedade, Belo Horizonte, v. 17, n. 2, p. 99-104, maio/ago. 2005. Disponível em <http://www.scielo.br/ pdf/psoc/v17n2/27049.pdf/>. Acesso em: 19 jul. 2015.

Downloads

Publicado

2016-04-11

Como Citar

PORTILHO DO PRADO, T.; PEREIRA, E. R. (Des) Encontros na rede de cuidados em saúde. Revista Em Extensão, Uberlândia, MG, v. 14, n. 2, p. 174–185, 2016. DOI: 10.14393/REE-v14n22015_rel05. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revextensao/article/view/30468. Acesso em: 8 dez. 2022.

Edição

Seção

Relatos de Experiência