Definição dos anos-padrão para o estudo da pluviometria do Estado de Goiás e do Distrito Federal

Autores

  • Diego Tarley Ferreira Nascimento Universidade Federal de Goiás
  • João Marques de Souza Neto
  • Larissa Camilo Nunes

Resumo

Os estudos climáticos ainda revelam alguns problemas e não são capazes de representar adequadamente a dinâmica e configuração do clima. A partir desta perspectiva, a Climatologia Geográfica defende  uma análise combinada dos elementos climáticos em sua sucessão habitual diária percebida durante anos tomados como representante de toda variabilidade climática (habitual e excepcional). Nesse sentido, o presente trabalho tem como objetivo identificar os anos-padrão do estado de Goiás e do Distrito Federal/Brasil, conforme recomendado pela Climatologia Geográfica como o ideal para a análise das características, variabilidade e gênese climática. Para tanto, foram realizadas análises quantitativas e qualitativas dos totais mensais e anuais de precipitação de 26 estações da área em estudo e entorno, para identificação dos anos-padrão pelo método de quantis e com emprego do Diagrama de Schroder. Foi possível identificar os anos-padrão de 2007, 2008 e 2009 que mostram baixa, normal e alta pluviosidade, respectivamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-06-30

Como Citar

NASCIMENTO, D. T. F.; SOUZA NETO, J. M. de; NUNES, L. C. Definição dos anos-padrão para o estudo da pluviometria do Estado de Goiás e do Distrito Federal. Brazilian Geographical Journal, Ituiutaba, v. 6, n. 1, p. 272–290, 2015. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/braziliangeojournal/article/view/28872. Acesso em: 15 jun. 2024.