Caracterização morfo-agronômica do banco de germoplasma de pinhao manso na fase jovem

Authors

  • Bruno Galvêas Laviola Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
  • Leonardo Lopes Bhering Universidade Federal de Viçosa
  • Simone Mendonça Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
  • Tatiana Barbosa Rosado Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
  • Júlio Cesar Albrecht Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária

Abstract

O objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização preliminar da diversidade genética no banco de germoplasma de pinhão-manso com base na avaliação fenotípica realizada no primeiro ano de implantação. O estudo foi realizado com 175 acessos de pinhão-manso do banco de germoplasma, que estão implantados em delineamento de blocos ao acaso, com duas repetições, sendo cinco plantas por parcela no espaçamento 4 x 2 m. Com base nos resultados, verifica-se a existência de variabilidade genética no banco de germoplasma para os caracteres avaliados possível de ser explorada em um programa de melhoramento genético para a cultura. As variáveis avaliadas influenciaram diferencialmente, de maneira direta ou indireta, na produção de grãos, sendo a juvenilidade a característica que apresentou o maior efeito direto (negativo) na produção de grãos. Em relação a caracteres qualitativos, foram identificados formato de folha, tamanho de pedúnculo da inflorescência e formato de fruto.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2011-06-30

How to Cite

LAVIOLA, B.G., LOPES BHERING, L., MENDONÇA, S., BARBOSA ROSADO, T. and CESAR ALBRECHT, J., 2011. Caracterização morfo-agronômica do banco de germoplasma de pinhao manso na fase jovem . Bioscience Journal [online], vol. 27, no. 3, pp. 371–379. [Accessed7 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/7651.

Issue

Section

Agricultural Sciences