Estimativa da erodibilidade do solo para fins conservacionistas na microbacia córrego do Tijuco, SP

Authors

  • Chistiano Luna Arraes Universidade Estadual Paulista
  • Célia Regina Paes Bueno Universidade Estadual Paulista
  • Teresa Cristina Tarlé Pissara Universidade Estadual Paulista

Abstract

A erodibilidade do solo é representada por fatores de efeito integrado dos processos que regulam a infiltração de água, a resistência do solo à desagregação e o transporte de partículas do solo. Com isso, o presente estudo objetivou determinar a erodibilidade dos solos na microbacia Córrego do Tijuco, SP tendo como finalidade nortear produtores rurais na tomada de decisão para a aplicação de técnicas de conservação do solo. Para tanto foram coletadas amostras de solo com espaçamento regular de 500 m, obtendo no total 310 pontos, na profundidade de 0 - 0,20 m, numa área de aproximadamente 8008 ha. Para a determinação da erodibilidade do solo (K) foi utilizado um modelo matemático no qual leva em consideração o teor de matéria orgânica, as frações areia e silte, a permeabilidade do solo e o diâmetro médio das partículas para cada amostra de solo coletado. Valores maiores que 0,040 Mg.ha.h.ha-1.MJ-1.mm-1, foram encontrados para a erodibilidade do solo, sendo estes considerados muito alto para este fator. Nas áreas com valores altos de erodibilidade ocorre o predomínio de Argissolos que apresentam alta susceptibilidade ao desenvolvimento de ravinas e voçorocas devido a seu comportamento marcante em relação à gradiência textural, incrementando assim a erosão. Já nas áreas onde ocorrem os Latossolos observou também altos valores de erodibilidade, que em condições de ocupação inadequada do solo, conduzem ao escoamento superficial da água de chuva, levando ao favorecimento de voçorocas profundas.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2010-12-28

How to Cite

ARRAES, C.L., BUENO, C.R.P. and PISSARA, T.C.T., 2010. Estimativa da erodibilidade do solo para fins conservacionistas na microbacia córrego do Tijuco, SP . Bioscience Journal [online], vol. 26, no. 6, pp. 849–857. [Accessed6 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/7218.

Issue

Section

Agricultural Sciences