Influência de substratos e do armazenamento de sementes sobre a emergência e crescimento de plântulas de Araticum (Annonaceae)

Authors

  • Tadeu Robson Melo Cavalcante UFG
  • Ronaldo Veloso Naves UFG
  • Juracy Rocha Braga Filho UFG
  • Luciana Borges Silva UFG

Keywords:

Fruta nativa, Cerrado, Germinação, Desenvolvimento.

Abstract

Fruta nativa do cerrado, o araticum está entre as espécies prioritárias deste bioma. Apesar de sua importância, há poucas informações sobre o efeito de substratos, germinação de sementes estocadas, e desenvolvimento inicial de plântulas. O objetivo deste trabalho foi verificar o efeito de diferentes substratos sobre a emergência das sementes e descrever o crescimento inicial do araticum. O experimento foi instalado sob condições naturais de campo, com delineamento em blocos completos ao acaso, com onze tratamentos e três repetições. Foram coletados dados de germinação e matéria seca durante o período experimental. Foi feita a análise exploratória dos dados, aplicou-se o teste não-paramétrico de Quade e as correlações cabíveis. A análise dos dados revelou que não houve diferença estatística entre os substratos, pelo teste de Quade; o araticum tende a estabelecer bancos persistentes de sementes e apresenta germinação polimodal. O crescimento nos primeiros 245 dias após a semeadura tem comportamento linear.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2008-01-02

How to Cite

ROBSON MELO CAVALCANTE, T., VELOSO NAVES, R., ROCHA BRAGA FILHO, J. and BORGES SILVA, L., 2008. Influência de substratos e do armazenamento de sementes sobre a emergência e crescimento de plântulas de Araticum (Annonaceae). Bioscience Journal [online], vol. 23, no. 4. [Accessed7 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6909.

Issue

Section

Artigos