Comportamento ingestivo de bovinos de diferentes categorias em pastagem de capim coast-cross

Authors

  • Anderson de Moura Zanine UFV
  • Bruno Ramalho Vieira
  • Daniele de Jesus Ferreira
  • Antônio José Motta Vieira
  • Paulo Roberto Cecon

Keywords:

Taxa de bocado, Tempo de ócio, Tempo de pastejo, Tempo de ruminação.

Abstract

Foi conduzido um experimento com o objetivo de avaliar o comportamento ingestivo de novilhas, novilhos e vacas em pastagens de capim coast-cross no período diurno e noturno, no sistema de lotação contínua com taxa de lotação variável. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com três categorias animais representando os tratamentos, cada um com dez repetições. O período experimental foi de 35 dias, sendo 20 para adaptação dos animais e 15 para avaliações, que consistiram de três, com duração de 24 horas cada, em intervalos de cinco dias. O teste Tukey demonstrou que as novilhas, novilhos e vacas apresentaram maiores tempos de pastejo diário com 7:33, 6:26 e 7:32 horas, respectivamente. O tempo de ruminação noturna foi maior para todas as categorias com valores de 5:26, 4:26 e 6:15 horas, respectivamente. Os valores da taxa de bocados diurnos e noturnos não apresentaram diferenças para todas categorias, o que sugere, que independente da categoria animal os bovinos aumentam o tempo de pastejo como forma de ingerir mais forragem não alterando as taxas de bocados.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2007-09-18

How to Cite

DE MOURA ZANINE, A., RAMALHO VIEIRA, B., DE JESUS FERREIRA, D., JOSÉ MOTTA VIEIRA, A. and ROBERTO CECON, P., 2007. Comportamento ingestivo de bovinos de diferentes categorias em pastagem de capim coast-cross. Bioscience Journal [online], vol. 23, no. 3. [Accessed10 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6852.