Efeito de fungicidas recomendados para o controle de ferrugem do cafeeiro sobre Colletotrichum spp.

Authors

  • Maria Eloisa Salustiano UFLA
  • Mario Sobral de Abreu UFLA
  • Edson Ampelio Pozza
  • Edin Orozco Miranda

Keywords:

Controle químico, Antracnose, Coffea arabica.

Abstract

Os fungicidas triadimenol e oxicloreto de cobre são recomendados para o controle da ferrugem do cafeeiro. Neste trabalho foi estudado o efeito destes fungicidas contra Colletotrichum sp., agente causador da antracnose em frutos maduros de café, nas doses recomendada para o controle da ferrugem. O experimento foi conduzido no ano agrícola 2001/2002, em um cafezal de oito anos da cultivar Catuaí 99, no município de Lavras, MG. O delineamento experimental utilizado foi em blocos ao acaso em esquema fatorial com dois fungicidas e três doses, mais uma testemunha adicional, com 3 repetições. Os fungicidas triadimenol e o oxicloreto de cobre foram utilizados nas dosagens de 100%, 75% e 50% da dose comercial recomendada. Em cada parcela experimental foram colhidos, ao acaso, 400 frutos de café. Desses retiraram-se 100 ao acaso e quantificou-se a incidência de antracnose pela observação visual dos sintomas em microscópio estereoscópio. Os fragmentos dos tecidos de frutos, sadios e com sintomas, foram inicialmente tratados em solução de hipoclorito de sódio a 2% por 5 minutos, secados, colocados em meio BDA e incubados a 20ºC, com regime de 12 horas de luz durante sete dias. Houve diferença significativa entre os tratamentos com fungicidas e a testemunha, com redução da antracnose em frutos de 45% e 34% pelo oxicloreto de cobre e triadimenol, respectivamente, quando comparados à testemunha.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2007-06-19

How to Cite

ELOISA SALUSTIANO, M., SOBRAL DE ABREU, M., AMPELIO POZZA, E. and OROZCO MIRANDA, E., 2007. Efeito de fungicidas recomendados para o controle de ferrugem do cafeeiro sobre Colletotrichum spp. Bioscience Journal [online], vol. 22, no. 3. [Accessed27 May 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6807.