Produtividade e sabor dos frutos de tomate do grupo salada em função de podas

Authors

  • Marcelo de Almeida Guimarães UFV
  • Derly José Henriques da Silva UFV
  • Paulo Cézar Rezende Fontes; André Pugnal Mattedi UFV

Keywords:

Lycopersicon esculentum, Poda apical, Poda de cacho sólidos solúveis, pH, Tratos culturais

Abstract

Foi avaliado o efeito das podas apical e de cacho na produtividade e sabor dos frutos de tomate cultivar Fanny. O experimento foi conduzido com cinco tratamentos e sete repetições. Os tratamentos foram: Retirada do 1º cacho e desponta acima do 7º; Retirada do 1º cacho, sem desponta e com retirada dos cachos acima do 7º; Sem retirada do 1º cacho e com desponta acima do 6º; Sem retirada do 1º cacho, sem desponta e com retirada dos cachos acima do 6º; Sem desponta e sem retirada de cachos, com avaliação apenas dos 6 primeiros cachos. A remoção do 1º cacho foi prejudicial à produtividade comercial de frutos. A manutenção do crescimento da planta, com remoção dos cachos acima do 6o, possibilitou aumento de frutos grandes. Para as características produtividade total (157,6 t/ha), sabor (10,9), oBrix (4,17 %) e pH (4,2) não foram observadas diferenças significativas entre os tratamentos.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2008-03-06

How to Cite

DE ALMEIDA GUIMARÃES, M., JOSÉ HENRIQUES DA SILVA, D. and CÉZAR REZENDE FONTES; ANDRÉ PUGNAL MATTEDI, P., 2008. Produtividade e sabor dos frutos de tomate do grupo salada em função de podas. Bioscience Journal [online], vol. 24, no. 1. [Accessed8 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6766.

Issue

Section

Artigos