Concentrações de macronutrientes em folhas de cafeeiro, em função de fontes e doses de fósforo, em solo de cerrado de Patrocínio-MG

Authors

  • Benjamim de Melo UFU
  • Karina Velini Marcuzzo UFU
  • Reges Eduardo Franco Teodoro UFU
  • Hudson de Paula Carvalho UFU
  • Marcelo Vítor Conçalves UFU

Keywords:

Café, Nutrição, Adubação fosfatada, análise foliar

Abstract

A relação entre o fósforo e os demais macronutrientes é uma característica muito importante a se considerar, devido aos efeitos antagônicos existentes entre os nutrientes, visando-se maximizar os efeitos da adubação fosfatada de plantio. Objetivou-se determinar a concentração de macronutrientes nas folhas do cafeeiro (Coffea arabica L.), em função de diferentes fontes e doses de fósforo aplicadas no sulco de plantio, em solo classificado como Latossolo Vermelho distrófico, do município de Patrocínio-MG. O experimento foi conduzido na Fazenda Experimental da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais, no período de janeiro de 2000 a janeiro de 2003. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições, com os tratamentos em fatorial 4 x 5, sendo quatro fontes de fósforo (fosfato de Araxá, termofosfato magnesiano, fosfato de Arad e superfosfato triplo) e cinco doses de fósforo (0; 125; 250; 500 e 1000 g de P2O5 por metro de sulco). Cada parcela experimental foi constituída por uma linha com oito plantas, sendo adotada como área útil as quatro plantas centrais. Utilizaram-se plantas da cultivar Acaiá Cerrado, linhagem 1474, plantadas no espaçamento de 3,5 m entre linhas e de 0,7 m entre plantas na linha. Aos vinte e quatro e aos trinta e seis meses após o plantio foram retiradas amostras foliares das plantas da área útil das parcelas para a determinação da concentração de macronutrientes. Houve tendência de diminuição nas concentrações foliares de nitrogênio, de acordo com os fertilizantes utilizados. As fontes de menor solubilidade proporcionaram maiores concentrações foliares de fósforo, aos trinta e seis meses após o plantio. As fontes de menor solubilidade proporcionaram maiores concentrações foliares de potássio, aos vinte e quatro e aos trinta e seis meses após o plantio. Houve variação nas concentrações foliares de Ca, Mg e S, de acordo com os fertilizantes utilizados.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2006-05-16

How to Cite

DE MELO, B., VELINI MARCUZZO, K., EDUARDO FRANCO TEODORO, R., DE PAULA CARVALHO, H. and VÍTOR CONÇALVES, M., 2006. Concentrações de macronutrientes em folhas de cafeeiro, em função de fontes e doses de fósforo, em solo de cerrado de Patrocínio-MG. Bioscience Journal [online], vol. 21, no. 2. [Accessed30 November 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6588.

Issue

Section

Artigos