Avaliação de cultivares de amaranto (Amaranthus spp.) em sistema plantio direto no sul do Tocantins

Authors

  • Eduardo Andrea Lemus Erasmo UFT
  • Vanessa D. Domingos UFT
  • Carlos R. Spehar Embrapa-Cerrados
  • Julcemar Didonet UFT
  • Renato de Almeida Sarmento UFV
  • Alexson de M. Cunha UFV

Keywords:

Amaranthus, Crescimento, Desenvolvimento, Biomassa, Grãos.

Abstract

Este trabalho objetivou avaliar o potencial produtivo de cultivares de Amaranthus spp. como alternativa na rotação de culturas, no sistema plantio direto. O experimento foi conduzido na estação experimental da Fundação Universidade do Tocantins em Latossolo Vermelho-Amarelo, em 1998-1999, com delineamento experimental de blocos ao acaso com cinco repetições e cinco tratamentos, compostos pelas cultivares Oscar Blanco, AM 2264, AM 5189, PI 477913 e Japônica. As parcelas foram constituídas por oito linhas de 5 m de comprimento espaçadas de 0,5 m, com densidade de 25 plantas por metro. O ciclo (número de dias da emergência à maturação) foi de 74 dias. Os cultivares Japônica e AM 2264 apresentaram as maiores alturas de plantas, com 1,79 e 1,56 m, e foram também superiores em biomassa residual, com 9,1 e 8,1 t/ha, respectivamente. Os cultivares mais produtivos Oscar Blanco e Japônica apresentaram rendimentos de 1,0 e 0,95 t/ha de grãos. Esses resultados, ainda que preliminares, indicam o potencial desse cultivo no Tocantins. UNITERMOS: Amaranthus; Crescimento; Desenvolvimento; Biomassa; Grãos.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2006-04-06

How to Cite

LEMUS ERASMO, E.A., DOMINGOS, V.D., SPEHAR, C.R., DIDONET, J., ALMEIDA SARMENTO, R. de and CUNHA, A. de M., 2006. Avaliação de cultivares de amaranto (Amaranthus spp.) em sistema plantio direto no sul do Tocantins. Bioscience Journal [online], vol. 20, no. 1. [Accessed2 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6505.

Issue

Section

Artigos