Transformacao da mandioca via Agrobacterium rhizogenes

Authors

  • Aurora Yoshiko Sato
  • Tocio Sediyama UFV
  • Paulo Roberto Cecon UFV
  • Cristina Salgado Junqueira EMBRAPA

Keywords:

Transformação, Manihot esculenta, Agrobacterium rhizogenes, Canamicina, ANA, BAP, GA3.

Abstract

Com o objetivo de estudar a transformação da mandioca via A. rhizogenes foram analisados o efeito da canamicina, iluminação, idade dos discos foliares e concentrações de ANA. Após a transformação estudou-se o efeito de concentrações de BAP e compararam-se os seguintes tratamentos adicionais: meio MS, GA3 + BAP + MS e picloram + MS. Os calos transformados foram submetidos à análise isoenzimática. Concluiu-se que a cultivar Urubu é sensível a concentrações de canamicina superiores a 100 mg/L. A luz e a idade das folhas foram determinantes na transformação; folhas novas no escuro formaram calos transgênicos. Concluiu-se que a concentração de 2 mg/L de ANA possibilitou maior número de calos e maior comprimento de raízes. A concentração de 10 mg/L BAP resultou em maior peso de matéria seca dos calos. O picloram favoreceu acúmulo de matéria seca. A análise isozimática revelou a perda de uma banda na mandioca transformada. UNITERMOS: Transformação; Manihot esculenta; Agrobacterium rhizogenes; Canamicina; ANA; BAP; GA3.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2006-04-06

How to Cite

SATO, A.Y., SEDIYAMA, T., CECON, P.R. and JUNQUEIRA, C.S., 2006. Transformacao da mandioca via Agrobacterium rhizogenes. Bioscience Journal [online], vol. 20, no. 1. [Accessed7 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/6504.

Issue

Section

Artigos