Efeito da aplicação de biocarvão, cama de frango e formulado NPK no estado nutricional foliar de laranjeira em terra mulata

Authors

  • Ederlon Flávio da Veiga Moline Universidade Estadual Paulista
  • Newton Paulo de Souza Falcão Universidade Estadual Paulista
  • Darcilene Pereira da Silva Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
  • Charles Roland Clement Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
  • José Lavres Júnior Universidade Estadual Paulista

DOI:

https://doi.org/10.14393/BJ-v31n2a2015-22298

Abstract

O cultivo de laranjeira em Terra Mulata tem apresentado limitações nutricionais sendo necessário o uso de adubos nas áreas agrícolas. A aplicação de biocarvão associado à outra fonte de nutrientes pode ser uma alternativa viável para aumentar a eficiência dos adubos e diminuir perdas nestas áreas. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do biocarvão, da cama de frango e do formulado NPK, no estado nutricional de laranjeiras cultivadas em um Latossolo com horizonte A antrópico (Terra Mulata). O estudo foi desenvolvido em uma propriedade rural de terra firme em Manacapuru (AM) em um delineamento de blocos casualizados com oito tratamentos utilizando biocarvão, cama de frango e formulado NPK (4-14-8) aplicados de maneira isolada e associados. Para avaliação foram retiradas duas amostras em períodos distintos de folhas para determinação do estado nutricional. Os adubos aplicados não aumentaram a eficiência na disponibilidade dos teores de N, P, Fe e Zn, ficando este último abaixo da faixa de teor adequado. Já para os teores de K, o adubo cama de frango e suas combinações aumentaram sua disponibilidade, e para os maiores teores de Mg foram encontrados no tratamento controle. 

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2015-02-25

How to Cite

MOLINE, E.F. da V., FALCÃO, N.P. de S., SILVA, D.P. da, CLEMENT, C.R. and LAVRES JÚNIOR, J., 2015. Efeito da aplicação de biocarvão, cama de frango e formulado NPK no estado nutricional foliar de laranjeira em terra mulata . Bioscience Journal [online], vol. 31, no. 2, pp. 362–369. [Accessed4 December 2022]. DOI 10.14393/BJ-v31n2a2015-22298. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/22298.

Issue

Section

Agricultural Sciences