Bioacumulação de metais pesados em tilápia do nilo e retenção no solo e sedimento dos viveiros com adição de probióticos na dieta

Authors

  • Nilton Garcia Marengoni Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Monique Bayer Wild Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Affonso Celso Gonçalves Junior Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Marisa Maria Pletsch Schneider Vivian Universidade Estadual do Oeste do Paraná
  • Milton Cézar de Moura Pontifícia Universidade Católica do Paraná

Abstract

O trabalho objetivou monitorar a bioacumulação de Cd, Pb e Cr na tilápia do Nilo e retenção no sedimento da caixa de coleta e no solo de viveiros com administração de probióticos na ração. A dieta foi composta de ração comercial peletizada, para alevinos e probióticos liofilizados incluídos na dieta utilizando 2% de óleo vegetal, constituindo de: ração isenta de probióticos (Isento); ração + 0,5% de B. cereus var. Toyoi (ração + B. cereus); ração + 0,5% de B. subtilis C-3102 (ração + B. subtilis); ração + 0,25% de B. cereus var. Toyoi + 0,25% de B. subtilis C-3102 (ração + B. cereus + B. subtilis). Amostragens de ração, filé, pele, brânquias, fígado, carcaça, solo e sedimento da caixa de coleta dos viveiros foram realizadas para a determinação de metais pesados tóxicos por digestão nitro perclórica, e, espectrometria de absorção atômica. Não houve diferença significativa (p>0,05) nos teores dos metais observados nos tecidos analisados dos juvenis alimentados com diferentes combinações de probiótico e ração. Teores de Pb no filé foram superiores ao preconizado pela legislação. Teores de Cr foram detectados somente na pele dos juvenis. O teor de Pb do solo no final do cultivo (71,15 mg kg-1) foi maior (p<0,05) que o encontrado inicialmente (49,10 mg kg-1) e o Cr no sedimento da caixa de coleta (29,95 mg kg-1) foi maior (p<0,05) que o encontrado no solo (18,4 mg kg-1). A adição de probióticos não tem efeito sobre a bioacumulação de metais em juvenis, e sobre a retenção no solo e sedimento.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-07-17

How to Cite

MARENGONI, N.G., WILD, M.B., GONÇALVES JUNIOR, A.C., VIVIAN, M.M.P.S. and DE MOURA, M.C., 2014. Bioacumulação de metais pesados em tilápia do nilo e retenção no solo e sedimento dos viveiros com adição de probióticos na dieta . Bioscience Journal [online], vol. 30, no. 4, pp. 1158–1167. [Accessed5 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/22022.

Issue

Section

Agricultural Sciences