Severidade da antracnose e produtividade de sorgo granífero em resposta a doses crescentes de nitrogênio

Authors

  • Gil Rodrigues dos Santos Universidade Federal do Tocantins
  • Francismar Rodrigues Gama Universidade Federal do Tocantins
  • Artenisa Cerqueira Rodrigues Universidade Federal do Piauí
  • Aurenivia Bonifácio Universidade Federal do Tocantins
  • Carlos Henrique Cardon Universidade Federal do Tocantins
  • Dalmárcia de Souza Carlos Mourão Universidade Federal do Tocantins

Abstract

O presente estudo objetivou avaliar a severidade da antracnose e a produtividade de diferentes genótipos de sorgo em resposta a doses crescentes de nitrogênio. Os experimentos foram conduzidos em duas safras agrícolas: safra 2009/2010 (safra I) e safra 2010/2011 (safra II). O preparo do solo na área experimental foi realizado de forma convencional. Na safra I foram utilizados quatro genótipos de sorgo BRS 310, CMSXS 0144015, CMSXS 9920045 e CMSXS 9920044, enquanto que na safra II apenas os genótipos BRS 310 e CMSXS 0144015 foram avaliados. Aos 45 dias após o plantio (DAP) foram aplicados os tratamentos que consistiram de doses de nitrogênio (67; 112; 157; e 202 kg ha-1) em adubação de cobertura. Aos 60 DAP, iniciou-se a avaliação da severidade da antracnose utilizando escala de notas. Na colheita, determinou-se a produtividade de grãos nos tratamentos. Houve variação nos níveis de severidade da antracnose e na produtividade de grãos dos genótipos de sorgo em função das doses de nitrogênio aplicadas. Os genótipos de sorgo CMSXS 9920045 e BRS 310 apresentaram menor e maior suscetibilidade à antracnose, respectivamente. No genótipo BRS 310, a doença progrediu mais rapidamente na safra I que apresentou maior umidade relativa.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-07-17

How to Cite

SANTOS, G.R. dos, GAMA, F.R., RODRIGUES, A.C., BONIFÁCIO, A., CARDON, C.H. and MOURÃO, D. de S.C., 2014. Severidade da antracnose e produtividade de sorgo granífero em resposta a doses crescentes de nitrogênio . Bioscience Journal [online], vol. 30, no. 4, pp. 1070–1076. [Accessed6 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/21908.

Issue

Section

Agricultural Sciences