Número de folhas e de plantas para estimação da média do índice spad em crambe

Authors

  • Alberto Cargnelutti Filho Universidade Federal de Santa Maria
  • Marcos Toebe Universidade Federal de Santa Maria
  • Sidinei José Lopes Universidade Federal de Santa Maria

Abstract

O objetivo deste trabalho foi determinar o número de folhas e de plantas necessário para a estimação da média do índice SPAD em crambe, cultivar 'FMS Brilhante'. Em um experimento foram selecionadas, aleatoriamente, 66 plantas. Nessas plantas, foi mensurado o índice SPAD em seis folhas, escolhidas aleatoriamente em cada planta, aos 34 e 40 dias após a emergência, totalizando 396 folhas em cada avaliação. A partir dos dados do índice SPAD, foram calculadas medidas de tendência central e de variabilidade, verificadas a normalidade e a homogeneidade de variâncias. Foram realizadas análises de variância com base no modelo hierárquico (variação entre plantas e variação entre folhas dentro de plantas). O número de folhas, necessário para a estimação da média do índice SPAD, em cada momento de avaliação (34 e 40 dias após emergência), foi determinado por reamostragens, com reposição. Mensurar uma folha por planta, em 36 plantas (36 folhas), é suficiente para a estimação da média do índice SPAD de crambe, com amplitude do intervalo de confiança de 95% igual a três.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2013-09-20

How to Cite

CARGNELUTTI FILHO, A., TOEBE, M. and LOPES, S.J., 2013. Número de folhas e de plantas para estimação da média do índice spad em crambe . Bioscience Journal [online], vol. 29, no. 5, pp. 1084–1091. [Accessed4 March 2024]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/21842.

Issue

Section

Agricultural Sciences