Planejamentos experimentais em nabo forrageiro semeado a lanço e em linha

Authors

  • Alberto Cargnelutti Filho Universidade Federal de Santa Maria
  • Marcos Toebe Universidade Federal de Santa Maria
  • Cláudia Burin Universidade Federal de Santa Maria
  • Gabriele Casarotto Universidade Federal de Santa Maria
  • Bruna Mendonça Alves Universidade Federal de Santa Maria

Abstract

O objetivo deste trabalho foi determinar o tamanho ótimo de parcela para avaliar a massa verde de nabo forrageiro (Raphanus sativus L.), em experimentos com semeaduras a lanço e em linha, em cenários formados por combinações de números de tratamentos, de números de repetições e de níveis de precisão. Foi realizado um ensaio de uniformidade com semeadura a lanço e outro com semeadura em linha. Em cada ensaio foi pesada a massa verde em 288 unidades experimentais básicas (UEB) de 1,00 m × 0,50 m (0,50 m2). Foi determinado o índice de heterogeneidade do solo de Smith (1938) e determinado o tamanho ótimo de parcela por meio do método de Hatheway (1961). Para avaliar a massa verde de nabo forrageiro, com mesma precisão, o tamanho ótimo de parcela em experimentos com semeadura a lanço é maior que para experimentos com semeadura em linha. Em experimentos no delineamento blocos ao acaso, com 5 a 20 tratamentos e com 4 repetições, parcelas de 5 UEB de 0,50 m2 (2,50 m2), possibilitam identificar diferenças significativas entre tratamentos, a 5% de probabilidade, de 30% e 20% da média geral do experimento, respectivamente, para o sistemas de semeadura a lanço e em linha.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-03-24

How to Cite

CARGNELUTTI FILHO, A., TOEBE, M., BURIN, C., CASAROTTO, G. and ALVES, B.M., 2014. Planejamentos experimentais em nabo forrageiro semeado a lanço e em linha . Bioscience Journal [online], vol. 30, no. 3, pp. 677–686. [Accessed27 February 2024]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/18048.

Issue

Section

Agricultural Sciences