Propriedades termodinâmicas das sementes de pinhão-manso

Authors

  • Daniel Emanuel Cabral de Oliveira Universidade Federal do Mato Grosso
  • Osvaldo Resende Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano
  • Tarcísio Honório Chaves Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano
  • Kelly Aparecida Souza Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano
  • Thaís Adriana de Souza Smaniotto Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano

Abstract

O objetivo no presente trabalho foi determinar e avaliar as propriedades termodinâmicas do processo de dessorção das sementes de pinhão-manso. O teor de água de equilíbrio foi determinado pelo método estático-gravimétrico para diferentes temperaturas e atividade de água. Para obter os dados experimentais utilizou-se o método estático indireto. Foram utilizadas sementes de pinhão-manso, com teor de água inicial de 20,9 % base seca, submetidas à secagem em estufa com ventilação de ar forçada na temperatura de secagem de 40 °C, até atingirem os teores de água de 13,6; 11,1; 8,7; 6,4 (% b.s.). Os valores das propriedades termodinâmicas foram obtidos a partir de equações pré-determinadas. A partir dos resultados obtidos, concluiu-se que as propriedades termodinâmicas são influenciadas pelo teor de água, sendo que o calor latente de vaporização da água das sementes aumenta com o decréscimo do teor de água de equilíbrio. O processo de dessorção das sementes de pinhão-manso é controlado pela entalpia e a energia livre de Gibbs é positiva para as temperaturas estudadas e aumenta ao longo do processo de dessorção, mostrando-se ser um processo não espontâneo.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-06-10

How to Cite

OLIVEIRA, D.E.C. de, RESENDE, O., CHAVES, T.H., SOUZA, K.A. and SMANIOTTO, T.A. de S., 2014. Propriedades termodinâmicas das sementes de pinhão-manso . Bioscience Journal [online], vol. 30, pp. 147–157. [Accessed25 May 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/17968.

Issue

Section

Agricultural Sciences