Estudo esteriométrico da trabécula septomarginal em javali (Sus scrofa)

Authors

  • Pedro Primo Bombonato Universidade de São Paulo
  • Naif Salomão Júnior Universidade de São Paulo
  • Arani Nanci Bonfim Mariana Comissão de Ética do Conselho Regional de Medicina Veterinária de São Paulo
  • Vicente Borelli Universidade Paulista
  • Fernanda Rodrigues Agreste Universidade de São Paulo
  • André Santos Leonardo Universidade de Brasília

Abstract

O presente estudo descreve a morfologia da trabécula septomarginal no coração de javalis, de modo a oferecer dados sistemáticos que permitam um conhecimento mais detalhado do coração desta espécie. Os fragmentos das trabéculas foram submetidos à técnica histológica convencional, cortados em espessura de 5µm e corados pela Hematoxilina e Eosina e Tricrômico de Masson modificado. Com auxílio de um microscópio de luz AxioscópioZeiss as imagens foram captadas e analisadas através do programa específico de morfometria KS-400 Zeiss. Os dados obtidos foram submetidos ao teste ''U'' de Mann-Whitney (p≤0,05). A proporção média de tecido muscular estriado cardíaco foi 77,24%±2,31, a de tecido conjuntivo 4,76%±0,59. As miofibras de condução cardíaca apresentaram proporção média de 16,28%±1,71e a vascularização de 6,97%±0,79.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-03-24

How to Cite

BOMBONATO, P.P., JÚNIOR, N.S., MARIANA, A.N.B., BORELLI, V., AGRESTE, F.R. and LEONARDO, A.S., 2014. Estudo esteriométrico da trabécula septomarginal em javali (Sus scrofa) . Bioscience Journal [online], vol. 30, no. 3, pp. 830–833. [Accessed5 December 2022]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/17235.

Issue

Section

Agricultural Sciences