Origem e distribuição do nervo axilar em fetos de bovinos azebuados

Authors

  • Frederico Balbino Lizardo Universidade Federal de Uberlândia
  • Frederico Ozanam Carneiro e Silva Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinária da Faculdade de Medicina Veterinária (FAMEV) da UFU.
  • Lázaro Antônio Santos Universidade Federal de Uberlândia
  • Roberto Bernardino Júnior Instituto de Ciências Biomédicas (ICBIM) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).
  • Daniela Cristina de Oliveira Silva Universidade Federal de Uberlândia
  • Fabio Franceschini Mitri Universidade Federal de Uberlândia
  • Luciana Aparecida Rosa Universidade Federal de Uberlândia
  • Ednaldo Carvalho Guimarães Universidade Federal de Uberlândia
  • Lindolfo Gonçalves Cabral Universidade Federal de Uberlândia
  • Gilmar Cunha Sousa Universidade Federal de Uberlândia

Abstract

A origem e distribuição do nervo axilar foram analisadas por meio da dissecação em 30 fetos de bovinos azebuados, 20 machos e 10 fêmeas, após a fixação em solução aquosa de formaldeído a 10%. O nervo axilar originou-se em 13,33% dos antímeros do ramo ventral do sexto nervo espinal cervical (C6), em 100% dos antímeros do ramo ventral do sétimo nervo espinal cervical (C7), em 91,67% do ramo ventral do oitavo nervo espinal cervical (C8) e em 5,00% do ramo ventral do primeiro nervo espinal torácico (T1). O nervo axilar cedeu ramos para os músculos redondo menor (100,00%), deltóide (100,00%), parte cleidobraquial do músculo braquiocefálico (100,00%), subescapular (78,33%) e redondo maior (11,66%). Em todos os animais o referido nervo emitiu o ramo cutâneo cranial do antebraço, o qual se distribuiu para a fáscia e pele da face cranial do braço e antebraço. Não houve diferenças significativas entre as frequências de ramos dos nervos axilares emitidos para os músculos dos antímeros direito e esquerdo, entretanto, constataram-se diferenças estatísticas entre a frequência de ramos cedidos para o músculo deltóide direito, em machos e fêmeas, sendo observada uma maior frequência para os fetos machos.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Frederico Ozanam Carneiro e Silva, Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinária da Faculdade de Medicina Veterinária (FAMEV) da UFU.

Professor Doutor do Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinária da FAMEV- UFU.

Roberto Bernardino Júnior, Instituto de Ciências Biomédicas (ICBIM) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Professor Doutor de Anatomia Humana do ICBIM - UFU.

Published

2013-08-26

How to Cite

LIZARDO, F.B., CARNEIRO E SILVA, F.O., SANTOS, L.A., BERNARDINO JÚNIOR, R., SILVA, D.C. de O., MITRI, F.F., ROSA, L.A., GUIMARÃES, E.C., CABRAL, L.G. and SOUSA, G.C., 2013. Origem e distribuição do nervo axilar em fetos de bovinos azebuados . Bioscience Journal [online], vol. 29, no. 4, pp. 946–955. [Accessed19 July 2024]. Available from: https://seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/view/17211.

Issue

Section

Agricultural Sciences