"Entrelaçamentos conflitantes": a Filadélfia, o Parque Nacional da Independência Americana e Benjamin Franklin

Autores

  • Fernando Atique

Resumo

Quais são as relações possíveis entre uma cidade, um parque temático e um ator social dentro da seara patrimonial? É sobre esses entrelaçamentos que este artigo se debruça, apontando como a alteração da paisagem urbana da Filadélfia, nos Estados Unidos, foi processada de maneira a exaltar os feitos atrelados ao nascimento da nação estadunidense e, dentro desses, a ação do diplomata, inventor, educador e founding father Benjamin Franklin. Dessa forma, os conflitos que são inerentes ao campo preservacionista podem ser acompanhados em um território que, a despeito de ser visto como homogêneo, deflagra relações densas no que tange à memória e à urbanidade.

Palavras-chave: Estados Unidos; Parque da Independência; memória.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernando Atique

Doutor em História e Fundamentos Sociais da Arquitetura e do Urbanismo pela Universidade de São Paulo (USP). Professor do Departamento de História e do Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Autor, entre outros livros, de Memória moderna: a trajetória do Edifício Esther. 2. ed. São Carlos: RiMa, 2013.

Downloads

Publicado

2016-06-17

Como Citar

Atique, F. (2016). "Entrelaçamentos conflitantes": a Filadélfia, o Parque Nacional da Independência Americana e Benjamin Franklin. Artcultura, 17(30). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/artcultura/article/view/34823

Edição

Seção

Artigos