A rota dos entremezes: entre Portugal e Brasil

Autores

  • Orna Messer Levin

Resumo

Este trabalho tenta acompanhar a presença do entremez no Brasil, a partir da reconstituição histórica de sua popularização como gênero teatral nos teatros portugueses, durante os séculos XVI e XVIII, e de sua disseminação enquanto gênero editorial como resultado do crescimento da atividade tipográfica e da leitura de folhetos impressos. O estudo assinala a presença do entremez no âmbito dos textos publicados em folhetos de cordel e analisa de que modo a prática da leitura de peças de teatro foi decisiva para a afirmação do gosto pela comédia popular, da qual se originou o modelo da comédia brasileira. O caso das traduções de Molière para o português exemplifica a força exercida pelo entremez sobre os autores portugueses e brasileiros que consagraram o sucesso da fórmula popular junto aos leitores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2006-08-24

Como Citar

Levin, O. M. (2006). A rota dos entremezes: entre Portugal e Brasil. Artcultura, 7(11). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/artcultura/article/view/1343

Edição

Seção

Dossiê História & Teatro