Anatomical variation of the dorsal buccal branch of the facial nerve in sheep: a case report

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/VTN-v27n3-2021-56430

Resumo

O sistema linfático é responsável, de modo geral, pela defesa do organismo pois protege o corpo contra macromoléculas exógenas e endógenas, além de microrganismos invasores. Alterações inflamatórias, de origem infecciosa ou tóxica, são vistas com grande frequência nos linfonodos. As linfadenites podem estar associadas à drenagem de uma determinada área inflamada do organismo, ser decorrentes da lesão primária dos linfonodos ou ocorrer como parte de uma doença multicêntrica. A linfadenite caseosa é uma doença importante em caprinos e ovinos, caracterizada pela formação de abcessos em linfonodos superficiais e, em menor frequência, em linfonodos internos e órgãos, considerada crônica, debilitante e infecto-contagiosa. Variações anatômicas são diferenças morfológicas entre organismos da mesma espécie. Nesse contexto, variações anatômicas relacionadas à linfonodos superficiais podem representar grande importância na ovinocaprinocultura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-10-01

Como Citar

Canedo, A. L., Inhauser Riceti Magalhães, H. ., & de Assis Ribeiro , L. . (2021). Anatomical variation of the dorsal buccal branch of the facial nerve in sheep: a case report. Veterinária Notícias, 27(3), 8. https://doi.org/10.14393/VTN-v27n3-2021-56430

Edição

Seção

Relato de caso