O consumo cultural de jovens no Brasil profundo: uma experiência qualitativa na Microrregião de Propriá (SE)

Autores

  • Maria Beatriz Filgueiras Universidade Federal de Sergipe
  • Suelem Lopes de Freitas Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Malu Costa de Araújo Universidade Federal de Sergipe
  • Matheus Pereira Mattos Felizola Universidade Federal de Sergipe https://orcid.org/0000-0002-7826-4511
  • Vitor José Braga Mota Gomes Universidade Federal de Sergipe https://orcid.org/0000-0002-2377-9323

DOI:

https://doi.org/10.14393/par-v4n1-2019-51853

Palavras-chave:

Juventude, Consumo cultural, Convergência midiática

Resumo

O presente artigo teve como objetivo analisar o uso do WhatsApp enquanto uma ferramenta de conversação nas mídias sociais para os jovens do Nordeste, especificamente do interior de Sergipe. A pesquisa foi realizada entre os anos de 2017 e 2019 na microrregião geográfica de Propriá, no Estado de Sergipe, e os dados que serão apresentados neste trabalho científico são oriundos da análise de conteúdo realizada a partir do método proposto por Bardin (2016) de entrevistas semi-estruturadas realizadas com 100 jovens entre 18 e 24 anos de dez cidades da região. Como reflexão teórica, o texto perpassa por Lemos, Lévy, Thompson e Recuero e pelo estado da arte de pesquisas similares com jovens imersos no processo de convergência midiática. Como resultados, percebe-se que, no contexto das entrevistas realizadas, o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp é a ferramenta de comunicação mais utilizada pelos jovens entrevistados, tanto para manter relacionamentos com seus pares como para buscar informações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Beatriz Filgueiras, Universidade Federal de Sergipe

Graduanda em Comunicação Social com Habilitação em Publicidade e Propaganda da Universidade Federal de Sergipe.
Universidade Federal de Sergipe.
http://lattes.cnpq.br/7533042616928677
beafilgueiras@gmail.com

Suelem Lopes de Freitas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da FABICO-UFRGS
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
http://lattes.cnpq.br/5116541430037952
s.freitas555@gmail.com

Malu Costa de Araújo, Universidade Federal de Sergipe

Estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Sergipe
Universidade Federal de Sergipe
http://lattes.cnpq.br/4025492941142869
malu.ojuara.1@gmail.com

Matheus Pereira Mattos Felizola, Universidade Federal de Sergipe

Publicitário e Administrador de Empresas. Doutor em Ciências Sociais e Professor do PPGCOM/ PPGCI da Universidade Federal de Sergipe
https://orcid.org/0000-0002-7826-4511
http://lattes.cnpq.br/5611829504195938
contato@matheusfelizola.com.br

Vitor José Braga Mota Gomes, Universidade Federal de Sergipe

Jornalista, mestre e doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas. Professor do Departamento de Comunicação Social (DCOS) e do Programa de Pós-Graduação em Comunicação (PPGCOM) da Universidade Federal de Sergipe
https://orcid.org/0000-0002-2377-9323
http://lattes.cnpq.br/5116911792600055
vitorbragamg@gmail.com

Referências

BARBERO, J. M. Diversidade em convergência. Matrizes, São Paulo, v. 8, n. 2, p. 15-33, 2014.
BARDIN, L. Análise de conteúdo: edição revista e ampliada. São Paulo: Edições 70, 2016.
COSTA, A. P.; AMADO, J. Análise de Conteúdo Suportada por Software. Aveiro: Ludomedia, 2018.

DOMICÍLIOS, T. I. C. Uso da internet pelo celular cresce entre os brasileiros. 2016.

GRANERO, A. E.; COUTO, T. C. Consumo no ciberespaço: a explosão de aplicativos de dispositivos móveis que ajudam a controlar a vida na palma da mão. Revista GEMInIS, v. 4, n. 2, p. 89-105, 2013.
IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua: Acesso à Internet e à televisão e posse de telefone móvel celular para uso pessoal. 2017. Disponível em: <https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101631_informativo.pdf> Acesso em: 05 abr. 2019. https://doi.org/10.21710/rch.v25i0.451
JACKS, N.; TOALDO, M. M.; MARQUES, J. Jovens Rurbanos e Mediações Tecnológicas: práticas e convivências sociais contemporâneas. Cuadernos del Claeh, v. 36, n. 106, p. 101-123, 2017. https://doi.org/10.29192/claeh.36.2.6
JENKINS, H. Confronting the challenges of participatory culture: Media education for the 21st century. Mit Press, 2009. https://doi.org/10.7551/mitpress/8435.001.0001
JENKINS, Henry; GREEN, Joshua. Cultura da conexão: Criando Valor e Significado Por Meio da Mídia Propagável. São Paulo: Aleph, 2014. https://doi.org/10.22478/ufpb.1807-8931.2017v13n2.33014
LEMOS, A. Cibercultura, tecnologia e vida social na cultura contemporânea. Sulina, 2002.
______. Cibercultura e mobilidade: a era da conexão. Razón y palabra, v. 41, 2004.
______. Ciber-cultura-remix. In: Seminário “Sentidos e Processos” 2005. Disponível em: https://www.facom.ufba.br/ciberpesquisa/andrelemos/remix.pdf. Acesso em abril de 2019.
______. Cultura da mobilidade. Revista FAMECOS: mídia, cultura e tecnologia, n. 40, p. 28-35, 2009. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2009.40.6314
LÉVY, P. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 1999. As tecnologias da inteligência, 2001.

OLIVEIRA, A. N. de; BARBALHO, A. Entre o WhatsApp e a praça da “família”: relato de uma experiência teórico-metodológica. Comunicação & Educação, v. 22, n. 2, p. 85-94, 2017. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v22i2p85-94

RECUERO, R. A conversação em rede: comunicação mediada pelo computador e redes sociais na internet. 2ª ed Porto Alegre: Sulina, 2014. https://doi.org/10.15448/1980-3729.2009.38.5309

RESTREPO, E. Etnografía: alcances, técnicas y éticas. Envión editores, 2016.

RHEINGOLD, Howard. Smart mobs: The Next Social Revolution. Londres: Basic books, 2007.
SANTAELLA, L. Navegar no ciberespaço: o perfil cognitivo do leitor imersivo. Paulus, 2004.
SILVA, Júlio César Lázaro da. História Econômica da Região Nordeste; Brasil Escola. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/brasil/historia-economica-regiao-nordeste.htm>. Acesso em 17 de abril de 2019. https://doi.org/10.11606/d.85.2008.tde-29092009-154302
SIMILAR WEB Marketing Intelligence Blog.Publicação com resultados da pesquisa da empresa Similar Web sobre uso de aplicativos de troca de mensagens no mundo. Disponível em:
<https://www.similarweb.com/blog/mobile-messaging-app-map-2018>. Acesso em: 02 abr. 2019.
SOUZA, J.; ARAÚJO, D.; PAULA, D. Mídia social WhatsApp: uma análise sobre as interações sociais. Revista Alterjor (ECA/USP). São Paulo, ano 06, v. 1, ed. 11, p. 131-165, 2015. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/alterjor/article/view/aj11-a05. Acesso em: 05 abr. 2019.
THOMPSON, John. A mídia e a modernidade: uma teoria social da mídia. Rio de Janeiro: Vozes, 2012.
WhatsApp Blog. Blog oficial do WhatsApp para divulgação de informações de interesse da empresa. Disponível em: https://blog.WhatsApp.com/616/One-billion. Acesso em: 02 abr. 2019.

WhatsApp chega a 120 milhões de usuários no Brasil. Link – O Estado de S. Paulo, 2017. Disponível em: https://link.estadao.com.br/noticias/empresas,WhatsApp-chega-a-120-milhoes-de-usuarios-no-brasil,70001817647. Acesso em: 05 abr. 2019.

Downloads

Publicado

2019-12-02

Como Citar

Filgueiras, M. B., Freitas, S. L. de ., Araújo, M. C. de ., Felizola, M. P. M., & Gomes, V. J. B. M. (2019). O consumo cultural de jovens no Brasil profundo: uma experiência qualitativa na Microrregião de Propriá (SE) . Paradoxos, 4(1), 49–67. https://doi.org/10.14393/par-v4n1-2019-51853