AVALIAÇÃO DA LONGITUDINALIDADE NA ATENÇÃO PRIMÁRIA EM SAÚDE PARA USUÁRIOS NO MUNICÍPIO DE SANTA ROSA/RS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/Hygeia17059172

Palavras-chave:

Atenção Primária em Saúde, Estratégia Saúde da Família, Longitudinalidade

Resumo

A longitudinalidade enquanto um dos atributos da Atenção Primária em Saúde constitui um vínculo temporal existente entre usuário e o sistema de saúde. Trata-se de um importante indicador para o sistema de saúde no país. Para fins de atentar a este atributo a nível local em um município localizado na região noroeste do estado do Rio Grande do Sul, no presente estudo tem-se como objetivo avaliar a longitudinalidade do cuidado pela perspectiva dos usuários no município de Santa Rosa/RS. Para tal, utilizou-se de um estudo transversal, de caráter quantitativo e descritivo-analítico, desenvolvido no período de março de 2018 com 100% (n=17) das Equipes de Saúde da Família do município. Participaram do estudo 200 usuários adultos, por meio da aplicação do instrumento Primary Care Assessment Tool com 14 itens. O estudo permitiu identificar a insatisfação dos usuários quanto à longitudinalidade no serviço de saúde no município. Diante de tal realidade, ressalta-se a importância da reestruturação dos serviços de saúde, juntamente com a sensibilização dos profissionais que atuam neste intuito e que estão em contato próximo com o paciente, com o objetivo de fortalecer o vínculo com o usuário e melhorar o desempenho nas ações realizadas rotineiramente nas unidades de saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-11-02

Como Citar

TOLAZZI, J. da R. .; LOPES, L. F. D. .; KUHN, N. .; RAMSER, C. . A. de S. AVALIAÇÃO DA LONGITUDINALIDADE NA ATENÇÃO PRIMÁRIA EM SAÚDE PARA USUÁRIOS NO MUNICÍPIO DE SANTA ROSA/RS. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, [S. l.], v. 17, p. 301–317, 2021. DOI: 10.14393/Hygeia17059172. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/hygeia/article/view/59172. Acesso em: 13 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos