PARCERIA DE DESENVOLVIMENTO PRODUTIVO DA VACINA INFLUENZA NO INSTITUTO BUTANTAN: ANÁLISE DA ORIGEM DA INFRAESTRUTURA BIOTECNOLÓGICA E DOS COMPONENTES

Autores

  • Leonardo Ferraro Nascimento Departamento de Geografia - USP
  • Alfredo Pereira de Queiroz Filho Departamento de Geografia - FFLCH - USP

DOI:

https://doi.org/10.14393/Hygeia132506

Palavras-chave:

vacina influenza, parcerias de desenvolvimento produtivo (PDPs), transferência de tecnologia, biotecnologia, mapa temático

Resumo

O vírus da gripe afeta anualmente cerca de 10% da população mundial, causando enormes perdas. O Instituto Butantan e a Sanofi Pasteur possuem um contrato de transferência de tecnologia para capacitar a instituição brasileira a produzir a vacina. A origem geográfica da infraestrutura biotecnológica e dos insumos usados na produção da vacina influenza no Instituto Butantan foi investigada e o grau de independência tecnológica dessa parceria de desenvolvimento produtivo (PDP) foi analisado. Um inventário dos componentes do processo produtivo foi realizado e seus dados foram agrupados em: objetos, fabricantes e aplicações. Mapas temáticos foram utilizados para ilustrar os padrões espaciais dos países envolvidos. Os resultados indicam que 13 países estão envolvidos no processo, que possui 200 objetos, 63 fabricantes e 66 aplicações. O Brasil participa com 42,5% dos objetos, 36,5% dos fabricantes e 22,7% das aplicações. Dentre os países envolvidos, destaca-se a significativa participação dos EUA e dos países da Europa, particularmente Alemanha e Suíça.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-09-28

Como Citar

NASCIMENTO, L. F.; QUEIROZ FILHO, A. P. de. PARCERIA DE DESENVOLVIMENTO PRODUTIVO DA VACINA INFLUENZA NO INSTITUTO BUTANTAN: ANÁLISE DA ORIGEM DA INFRAESTRUTURA BIOTECNOLÓGICA E DOS COMPONENTES. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, [S. l.], v. 13, n. 25, p. 81–90, 2017. DOI: 10.14393/Hygeia132506. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/hygeia/article/view/37383. Acesso em: 11 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos