GESTÃO PÚBLICA DE SAÚDE NO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE O DIREITO À SAÚDE BRASILEIRO

Autores

  • Otil Carlos Dias dos Santos Professor das Faculdades Santo Agostinho/ Mestre em Desenvolvimento Social.
  • Sandra Célia Muniz Magalhães Professora do Departamento de Geociências da UNIMONTES/Coordenadora do Laboratório de Geografia Médica e de Promoção da Saúde.
  • Rafael Muniz Magalhães Bacharel em Direito

Resumo

Este artigo tem como objetivo discutir a Gestão Pública de Saúde no processo de desenvolvimento social, a partir da relação Estado/Sociedade, dando enfoque ao direito à saúde brasileiro. A metodologia utilizada consistiu em levantamento bibliográfico, referente ao tema. O desenvolvimento social envolve várias abordagens, dentre elas a política de saúde como um direito universal e de bem estar social, onde o Estado, a partir da Constituição de 1988, estabeleceu uma maior responsabilidade e compromisso aos administradores públicos, quanto à formulação de políticas públicas voltadas para um atendimento eficaz e uma gestão eficiente. O sistema de saúde brasileiro é considerado um dos melhores do mundo, porém necessita ser reestruturado levando em consideração as especificidades de cada região, para que seja garantido o direito à vida que rege a Carta Magna deste país, fincando os princípios da universalidade, igualdade e integralidade, isonomia e justiça social em todas as camadas sociais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-12-27

Como Citar

DOS SANTOS, O. C. D.; MAGALHÃES, S. C. M.; MAGALHÃES, R. M. GESTÃO PÚBLICA DE SAÚDE NO PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE O DIREITO À SAÚDE BRASILEIRO. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, [S. l.], v. 9, n. 17, 2013. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/hygeia/article/view/24372. Acesso em: 7 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos