O USO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA (SIG) NO ESTUDO DA ACESSIBILIDADE FÍSICA AOS SERVIÇOS DE SAÚDE PELA POPULAÇÃO RURAL: REVISÃO DA LITERATURA

Autores

  • Ricardo Vicente Ferreira Universidade Federal de Uberlândia
  • Jorge da Graça Raffo Universidade de São Paulo

Palavras-chave:

Acessibilidade, Serviços de Saúde, Sistemas de Informação Geográfica.

Resumo

As questões geográficas que interferem na equidade ao atendimento à saúde caracterizam alguns dos aspectos da acessibilidade. Este artigo faz uma revisão das pesquisas que tratam do acesso das populações rurais aos serviços de saúde e fazem uso dos Sistemas de Informação Geográfica (SIG) como instrumento de análise. A distribuição dos serviços e dos pacientes envolve fatores da separação espacial, e sobre essa questão, a presente abordagem faz um recorte específico das metodologias de estudo do acesso aos serviços de saúde, tendo como apoio as tecnologias dos SIG.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Vicente Ferreira, Universidade Federal de Uberlândia

Professor doutor do Instituto de Geografia da UFU/MC

Jorge da Graça Raffo, Universidade de São Paulo

Professor Doutor do DGEO/FFLCH/USP

Downloads

Publicado

2012-12-21

Como Citar

FERREIRA, R. V.; RAFFO, J. da G. O USO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA (SIG) NO ESTUDO DA ACESSIBILIDADE FÍSICA AOS SERVIÇOS DE SAÚDE PELA POPULAÇÃO RURAL: REVISÃO DA LITERATURA. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, [S. l.], v. 8, n. 15, 2012. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/hygeia/article/view/17743. Acesso em: 11 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos