A REGIÃO DE SAÚDE A PARTIR DAS USINAS HIDRELÉTRICAS

Autores

  • Eduardo Augusto Werneck Ribeiro Pesquisador do Laboratório de Geografia da Saúde da UNESP de Pres. Prudente

Palavras-chave:

Região de Saúde, Usina Hidrelétrica, SUS

Resumo

Este trabalho tem como objetivo refletir em novos elementos geográficos (fluxos e fixos) com a proposta de aumentar a integração, pactuação e a resolução dos serviços de saúde a partir das Usinas Hidrelétricas. O presente trabalho apresenta uma proposta metodologia de reavaliar a região de serviços de saúde a partir das dos dados do REGIC-IBGE e as reais conexões e das infra-estruturas construídas pelas usinas. O resultado foi a materialização de uma "região de fato" que envolve municípios lindeiros, onde seus serviços de saúde são influenciados por tais empreendimentos e o gestor não leva em consideração seus efeitos na elaboração da regionalização dos serviços. Este trabalho é um dos resultados obtidos na tese de doutorado, intitulada "A Região de Saúde a partir da Usina Hidrelétrica" defendida em maio de 2011 no programa de pós-graduação da UFPR, orientada pela profª Olga Firsk Lúcia Castreghini de Freitas Firkowski.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Augusto Werneck Ribeiro, Pesquisador do Laboratório de Geografia da Saúde da UNESP de Pres. Prudente

Pesquisador do Laboratório de Geografia da Saúde da UNESP de Presidente Prudente - SP

Downloads

Publicado

2012-06-05

Como Citar

RIBEIRO, E. A. W. A REGIÃO DE SAÚDE A PARTIR DAS USINAS HIDRELÉTRICAS. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, [S. l.], v. 8, n. 14, p. 30–38, 2012. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/hygeia/article/view/17074. Acesso em: 7 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos