PADRÕES ESPACIAIS DA QUALIDADE DA ÁGUA NA BACIA DO RIO CUIABÁ E RIO SÃO LOURENÇO - MATO GROSSO.

Autores

  • Gabriella Costa Araujo Departamento de Engenharia Sanitária
  • Peter Zeilhofer Departamento de Geografia

Palavras-chave:

Recursos Hídricos, Qualidade de Água, Geoprocessamento, Pantanal Mato- Grossense.

Resumo

Esta pesquisa objetivou a análise dos padrões espaço-temporais do uso e ocupação do solo e suas relações com a qualidade da água nas bacias dos Rios Cuiabá e São Lourenço, os principais afluentes da planície inundável do Pantanal Mato-Grossense.As influências do uso e ocupação do solo foram avaliadas a partir de um monitoramento da qualidade da água realizado nos meses de Maio, Julho, Setembro e Novembro do ano de 2006, e nos meses de Março, Agosto e Novembro de 2007; realizado em 12 pontos amostrais no Rio Cuiabá e em 5 no rio São Lourenço.As supostas relações entre as variáveis de qualidade da água e o uso do solo foram avaliadas através de análises de redundância polinomial/RDA, técnica estatística multivariada.A RDA identificou que as características físicas e de uso do solo:pedologia, população urbana/Km², declividade média, área e chuva, foram as que mais influenciaram na qualidade da água. Por localizarem-se em áreas em que o cultivo do algodão é a atividade agrícola predominante, as sub-bacias: Slo 245, Slo 253, Slo 129 e Slo 340 apresentaram maior impacto do uso do solo. A utilização de técnicas de geoprocessamento permitiu a integração de diversas fontes em um banco de dados georreferenciados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-20

Como Citar

ARAUJO, G. C.; ZEILHOFER, P. PADRÕES ESPACIAIS DA QUALIDADE DA ÁGUA NA BACIA DO RIO CUIABÁ E RIO SÃO LOURENÇO - MATO GROSSO. Hygeia - Revista Brasileira de Geografia Médica e da Saúde, [S. l.], v. 7, n. 13, 2011. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/hygeia/article/view/17036. Acesso em: 21 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos