Metal na Véia: modo de usar Interação entre fãs de Heavy Metal em um fórum de discussão online

Autores

  • D Lemos Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Palavras-chave:

Comunidades virtuais, Fórum de discussão, Heavy metal

Resumo

O objetivo deste trabalho é investigar os modos de utilização do fórum Metal na Véia2, comunidade virtual de discussão sobre o estilo de música Heavy Metal. A página, criada e administrada por brasileiros, foi inaugurada em dezembro de 2002 e permanece ativa até hoje, contando com mais de dois mil e setecentos membros registrados. Entendendo, assim como Miller e Slater (2001), que a Internet não é um ambiente virtual monolítico e descontextualizado, mas sim um conjunto de diferentes tecnologias que são utilizadas por diferentes pessoas em diferentes locais do mundo, desejamos investigar, entre outros aspectos, os motivos que levam os membros a utilizar essa plataforma, o tipo de interação que procuram e se essa interação permanece restrita ao ambiente virtual do fórum ou é expandida para outras plataformas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

D Lemos, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), pós-graduada em Cinema e Linguagem Audiovisual pela Universidade Estácio de Sá. Graduada em Cinema e Audiovisual pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Técnica em regulação na Agência Nacional do Cinema desde maio de 2014.

Referências

BRAGA, Adriana Andrade. “Complementaridade das mídias – usos sociais da Internet e seus precedentes”. In: XVII Encontro da Compós, 2008, São Paulo. Anais eletrônicos do XVII Encontro da Compós. São Paulo: UNIP, 2008. Disponível em: http://www.compos.org.br/data/biblioteca_398.pdf. Último acesso em 12/02/2017.

CARVALHO, Guilherme de. “Webbangers: quando o heavy metal curitibano invade a internet”. In: I Congresso Internacional de Estudos do Rock, 2013, Cascavel. Anais eletrônicos do I Congresso Internacional de Estudos do Rock. Cascavel: Universidade Estadual do Oeste do Paraná, 2013. Disponível em http://www.congressodorock.com.br/evento/anais/2013/artigos/5/artigo_simposio_6_601_guilhermegdecarvalho@hotmail.com.pdf. Último acesso em 12/02/2017.

CASTELLS, Manuel. A Galáxia da Internet. Reflexões sobre a Internet, os negócios e a sociedade. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2003.

LEÃO, Tom. Heavy Metal. Guitarras em Fúria. São Paulo: Ed. 34, 1997.

LOPES, Pedro Alvim Leite. Heavy Metal no Rio de Janeiro e dessacralização de símbolos religiosos: a música do demônio na cidade de São Sebastião das Terras de Vera Cruz. Tese de doutorado apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2006.

MILLER, Daniel e SLATER, Don. The Internet. An Ethnographic Approach. New York: Berg, 2001.

NICOLACI-DA-COSTA, Ana Maria. Internet: uma nova plataforma de vida. In Cabeças digitais – o cotidiano na era da informação. Rio de Janeiro: Ed. PUC-Rio; São Paulo: Loyola, 2006.

WALSER, Robert. Running with the devil. Power, gender and madness in heavy metal music. Middletown: Wesleyan University Press, 1993.

Downloads

Publicado

2018-09-30

Como Citar

Lemos, . D. (2018). Metal na Véia: modo de usar Interação entre fãs de Heavy Metal em um fórum de discussão online. Paradoxos, 2(1), 70–81. Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/paradoxos/article/view/45207