Os blogs e a democratização do campo da moda

Autores

  • Olga Bon Pontífice Universidade Católica do Rio de Janeiro

Palavras-chave:

Blogs de moda, Moda, Ambientes digitais, Democratização

Resumo

Este artigo tem como temática principal blogs de moda bem-sucedidos, no que tange questões midiáticas, financeiras e de audiência, a partir de um olhar que busca refletir sobre a democratização do acesso ao campo da moda, uma vez que a expansão dessas plataformas é freqüentemente relacionada ao avanço de um possível interesse de parte da sociedade por temáticas ligadas ao mundo fashion . Isto se deve, muito em parte, pelo forte crescimento midiático que os blogs do segmento tiveram nos últimos anos. Através deste trabalho, pretende-se apresentar um panorama atual sobre esses ambientes digitais, pensando até que ponto blogs com o perfil analisado realmente proporcionaram a democratização do campo da moda. Para isso, será apresentado um panorama mais geral em relação ao status atual que os blogs de moda bem-sucedidos conseguiram promover. Mais adiante, levantaremos o estado da arte dos estudos relacionados a blogs de moda, para, finalmente, apresentarmos reflexões sobre a indagação proposta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Olga Bon, Pontífice Universidade Católica do Rio de Janeiro

Graduada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense e formada no Curso de Design de Moda e Coordenação de Estilo pelo SENAC/RJ. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Pontífice Universidade Católica do Rio de Janeiro. Bolsista CAPES.

Referências

AMARAL, Adriana; FERREIRA, Aletéia; FIEDLER, Josiany. “Blogs & Moda – efemeridade, individualismo e multiplicidade na web”. VII Simpósio da pesquisa e comunicação INTERCOM Sul. 04 a 06 de maio de 2006.

______; RECUERO, Raquel; MONTARDO, Sandra Portella. Sandra Portella. Blogs.com. Estudos sobre blogs e comunicação. São Paulo: Momento Editorial, 2009.

BERGAMO, Alexandre. O campo da moda. São Paulo: USP. Revista Antropologia. São Paulo, vol.41 n.2, 1998.

BOURDIEU, Pierre. A distinção: crítica social do julgamento. São Paulo: Edusp, 2011.

BRAGA, Adriana. Personas Materno-Eletrônicas: feminilidade e interação no blog Mothern. Porto Alegre: Sulina, 2008.

FERNANDES, Bruna Barbosa Belchior. A influência dos blogs de moda e beleza no comportamento de compra das seguidoras. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Economia. Universidade do Porto. Porto, 2013.

GIDDENS, Anthony. As conseqüências da modernidade. São Paulo, Editora Unesp, 1991.

HINERASKY, Daniela. Jornalismo de moda no Brasil: da especialização à moda dos blogs. Anais do sexto Colóquio de Moda, São Paulo, 2010.

______; O fenômeno dos blogs street-style: do flâneur ao “star blogger”. Tese (Doutorado). Faculdade de Comunicação Social. PUCRS. Porto Alegre, 2012.

OLIVEIRA, de Souza Priscila Joyce. Sociabilidade na web: Um estudo sociológico sobre um blog de moda e beleza. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas. Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte, 2014.

PEREIRA, Camila Konradt. Identificações estéticas no sistema da moda: Um olhar através dos sites de moda de rua e de festa. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Ciências Sociais. Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). São Leopoldo, 2010.

RODRIGUES, dos Santos Luciana. A moda do blog: O blog como ferramenta de disseminação de moda. Anais do 8º Colóquio Internacinal de Moda, Rio de Janeiro, 2012.

RODRIGUES, Graziela Fernanda. Blogs de moda e beleza: espaço mercadológico de interação, sentido e axiologias. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Comunicação e Semiótica. PUC SP. São Paulo, 2013.

ZAGO, Gabriela da Silva. Dos blogs aos microblogs: aspectos históricos, formatos e características. Disponível na Biblioteca Online de Ciências da Comunicação. 2009. Link: http://www.bocc.ubi.pt/pag/zago-gabriela-dos-blogs-aos-microblogs.pdf.

Downloads

Publicado

2018-09-30

Como Citar

Bon, O. (2018). Os blogs e a democratização do campo da moda. Paradoxos, 2(1), 45–56. Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/paradoxos/article/view/45198