Gonçalves de Magalhães e a civilização do Império do Brasil através da poesia

Autores

  • Marcelo de Mello Rangel PUC - Rio

Resumo

O presente artigo analisa as poesias de Gonçalves de Magalhães, publicadas no ano de 1836, em Paris, intituladas Suspiros Poéticos e Saudades. De acordo com Magalhães,os homens e mulheres da boa sociedade eram egoístas, ou seja, eram orientados pelos seus desejos ou ainda por suas inclinações a despeito da razão e precisavam ser civilizados, o que significa dizer que deveriam aprender a pensar e a agir de forma adequada em nome do bem comum. Caberia à poesia a função de civilizar os homens e mulheres da boa sociedade, quer representando a natureza e provocando-os, por conseguinte, às experiências da finitude e de Deus, o que instauraria, necessariamente, o éthos da modéstia e do amor à "pátria", à comunidade, quer evidenciando determinados sentidos, como a liberdade e a crítica.

PALAVRAS-CHAVE: Gonçalves de Magalhães. Romantismo. Literatura. Civilização

ABSTRACT: This article analyzes the poetry of Gonçalves de Magalhães, published in the year of 1836 in Paris, entitled Suspiros Poéticos e Saudades. According to Magalhães, the men and women of good society were selfish, that is, they were instructed by their desires or inclinations, regardless of reason,and needed to be civilized, which means that they should learn to think and act appropriately on behalf of the common good. It would be the function of poetry to civilize men and women of the good society, representing nature and provoking them, therefore, he experiences of finitude and God, which would either establish necessarily the éthos of modesty and love for "homeland", for community, or showing certain meanings, such as freedom and criticism.

KEYWORDS: Gonçalves de Magalhães. Romanticism. Literature. Civilization

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo de Mello Rangel, PUC - Rio

Doutor em História Social da Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC

Downloads

Publicado

2011-12-14

Como Citar

RANGEL, M. de M. Gonçalves de Magalhães e a civilização do Império do Brasil através da poesia. Revista História & Perspectivas, [S. l.], v. 24, n. 45, 2011. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/historiaperspectivas/article/view/19408. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Dossiê História e Literatura - Org.: Prof. Dr. Leandro Jos