Narrar, informar, navegar: o acontecimento emblemático e atuação do leitor nas matérias sobre o golpe de 1964

Autores

  • Sonia Maria Menezes Silva Docente da Universidade Regional do Cariri-URCA, atua na área de teoria da hist

Resumo

O presente artigo pretende analisar a elaboração do acontecimento emblemático na sociedade contemporânea a partir das relações entre história e mídia. Tomaremos como foco dessa abordagem o Golpe de 1964 a partir de matérias vinculadas no Jornal Folha de S. Paulo nas chamadas efemérides, dando ênfase ao painel do leitor. Nesse sentido, consideraremos três elementos fundamentais: a ação narrativa ensejada sobre ele, sua divulgação nos recursos midiáticos, mais especificamente na mídia impressa e a atuação do leitor sobre tais textos. PALAVRAS-CHAVE: Mídia. Memória. Leitor.

ABSTRACT: When thinking about the emblematic events in contemporary society, there are three basic elements: the narrative action settled over daily events, their spread, and the performance of the navigator/consumer ahead of this production. Which is the place of this reception? How can we measure the action of the consumer in the production of these emblematic events? The present article intends to analyze the construction of the emblematic event and its narrative construction by the media. Taking the coup d嫎tat of 1964 and the notice of it propagated in the Folha de S. Paulo newspaper, in 1994 and 2004, consider emblematic moments of the memory and history. KEYWORDS: Media. Memory. Reader.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

SILVA, S. M. M. Narrar, informar, navegar: o acontecimento emblemático e atuação do leitor nas matérias sobre o golpe de 1964. Revista História & Perspectivas, [S. l.], v. 23, n. 42, 2010. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/historiaperspectivas/article/view/19294. Acesso em: 2 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos