Reconfiguração de trabalhadores no serviço público: a hegemonia dos professores na direção do SISERP

Autores

  • Raquel de Souza Felício Universidade do Extremo Sul Catarinense.
  • João Henrique Zanelatto Universidade do Extremo Sul Catarinense.

DOI:

https://doi.org/10.14393/HeP-v31n58-2018-15

Resumo

A organização coletiva dos servidores públicos municipais de Criciúma criada em 1989 passou por um processo de transformação, tanto no que se refere à luta sindical, de demandas de reivindicações, como, também, quanto ao perfil da própria categoria, pois, no final dos anos de 1990, a categoria deixou de ser formada por uma maioria braçal masculina para ser uma maioria de profissionais da área da educação do gênero feminino, sendo, ainda, esse grupo de trabalhadoras, no ano de 2017, a maior representatividade no quadro de associados e representantes do SISERP (Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Criciúma e Região). Este artigo busca analisar como se deu essa trajetória, quais os fatores que contribuíram para a mudança desse perfil profissional e como ocorreu essa tomada de poder pelos profissionais da área da educação.

PALAVRAS-CHAVE: Reconfiguração. Servidor Público. Sindicalismo. Criciúma.

ABSTRACT: The collective organization of municipal public servants of Criciúma created in 1989 underwent a process of transformation both in relation to the union struggle, demands of demands as well as the profile of the category itself, because at the end of the 1990, the category ceased to be formed by a male majority to be a majority of professionals in the area of female education, and this group of female workers, in the year 2017, is the most representative among the members and representatives Of SISERP (Union of Workers of the Municipal Public Service of Criciúma and Region). This article seeks to analyze how this trajectory occurred, what factors contributed to the change of this professional profile and how this power takeover by professionals in the area of education.

KEYWORDS: Reconfiguration. Public server. Syndicalism. Criciúma.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raquel de Souza Felício, Universidade do Extremo Sul Catarinense.

Mestra em Desenvolvimento Socioeconômico, professora  do Curso de Direito da  UNESC. Procuradora do Município de Criciúma/SC. Membra do grupo de pesquisa História Econômica e Social de Santa Catarina-UNESC e Pesquisadora do grupo de pesquisa  Direitos Fundamentais do Trabalho e Políticas Públicas- UNESC.

João Henrique Zanelatto, Universidade do Extremo Sul Catarinense.

Pós-Doutor e Doutor em História, professor do Curso de História e do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Socioeconômico da Universidade do Extremo Sul Catarinense. Membro do Grupo de Pesquisa em História Econômica e Social de Santa Catarina.

Downloads

Publicado

2019-01-11

Como Citar

FELÍCIO, R. de S.; ZANELATTO, J. H. Reconfiguração de trabalhadores no serviço público: a hegemonia dos professores na direção do SISERP. Revista História & Perspectivas, [S. l.], v. 31, n. 58, 2019. DOI: 10.14393/HeP-v31n58-2018-15. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/historiaperspectivas/article/view/37979. Acesso em: 2 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos