A EDUCAÇÃO DOS TRABALHADORES SOB A INFLUÊNCIA DO CAPITAL INTERNACIONAL: APROXIMAÇÕES ENTRE BRASIL E PORTUGAL

Autores

  • Cílson César Fagiani
  • Robson Luiz de França
  • Antonio Bosco de Lima

Resumo

Abordaremos a discussão sobre o processo de globalização do capital sob a égide do neoliberalismo e suas implicações na educação dos trabalhadores no Brasil e em Portugal, especialmente a partir da década de 1990. Guardadas as particularidades históricas, econômicas e sociais do Brasil e de Portugal, bem como a posição de cada um em blocos econômicos diferentes, ambos tendem a uma aproximação na atualidade quanto às políticas neoliberais, implementadas pelos seus respectivos governos, vinculadas às exigências de ajuste fiscal e promovidas pelos organismos financeiros internacionais como o FMI, BID e BM. Nesse quadro, o Estado deve ser reestruturado de forma a reduzir seu papel de mediador das relações entre capital e trabalho e proporcionar maiores espaços para a reprodução do capital.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-09-10

Como Citar

FAGIANI, C. C.; FRANÇA, R. L. de; LIMA, A. B. de. A EDUCAÇÃO DOS TRABALHADORES SOB A INFLUÊNCIA DO CAPITAL INTERNACIONAL: APROXIMAÇÕES ENTRE BRASIL E PORTUGAL. Revista História & Perspectivas, [S. l.], v. 29, n. 55, 2016. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/historiaperspectivas/article/view/35784. Acesso em: 20 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Capitalismo, trabalho e trabalhadores