A trama têxtil de Villa Platina: Profissões do vestuário no sertão de Minas

Autores

  • Maristela Abadia Fernandes Novaes Dottorato di Ricerca in Storia Cultura e Civiltà, com endereço em História, na Università di Bologna-Itália, e professora no Curso de Design de Moda da Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás-Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.14393/HeP-v30n57-2017-2

Resumo

Este artigo analisa a presença de profissionais do vestuário (fiandeiras, tecelãs, costureiras, alfaiates, comerciantes, etc.) no município de Villa Platina, tendo como fonte documental os livros que compõem o Recenseamento Municipal de 1904. Essa vila localiza-se na região do Triângulo Mineiro, antigo "Sertão da Farinha Podre", Minas Gerais. O objetivo é compreender o contexto cultural dessa vila e a relação dessa sociedade com seu sistema de vestuário e com o comércio direcionado a esse ramo. Para isso, investigamos as origens, o nível de alfabetização, as relações de parentesco e os locais de residências dos profissionais e suas relações com o aprendizado e com o exercício dessa profissão. Nessa sociedade já era visível a presença de imigrantes introduzindo novas técnicas de costura, um dos fatores a colaborar para a redefinição da tradição da manufatura de roupas local. Como procedimento teórico-metodológico a investigação parte do entrecruzamento de várias fontes numa perspectiva dialética para situar historicamente a vila e as atividades dos profissionais do vestuário.

Palavras-chave: Profissões do vestuário. Imigração. Modernidade. Villa Platina.

Abstract: This article analyzes the presence of garment workers (spinners, weavers, seamstresses, tailors, etc.) in the municipality of Villa Platina. It has the 1904 county census as the primary source of investigation. This village is located in the Triângulo Mineiro region, former "Hinterland of rotten flour", Minas Gerais. The objective is to understand the cultural context of this village and the relationship of this society with the clothing production and commerce. Therefore, we investigate the origins, the level of literacy, kinship relations and the residential sites of professionals, as well as their relation with learning and the pursuit of this profession. In this society it was already visible the presence of immigrants introducing new sewing techniques, one of the factors that contributed to the redefinition of the tradition of local clothing manufacturing. The research begins with a description of the census and relates it with other sources, with a dialectic perspective, to better situate historically the village and the clothing professional's activities.

Keywords: Clothing professions. Immigration. Modernity.Villa Platina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maristela Abadia Fernandes Novaes, Dottorato di Ricerca in Storia Cultura e Civiltà, com endereço em História, na Università di Bologna-Itália, e professora no Curso de Design de Moda da Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás-Brasil.

Professora no Bacharelado em Design de Moda da Faculdade de Artes Visuais na Universidade Federal de Goiás, desde 2008, onde ministra as disciplinas de Modelagem Plana e Tridimensional I e II, Criação e Desenvolvimento de Coleções e Figurino. Mestre em Cultura Visual pela Universidade Federal de Goiás (2011), na linha de Culturas da Imagem e Processos de Mediação com a pesquisa Caminho das Pedras: Uma Ressignificação do Olhar e da Experiência no Processo de Construção de Roupas. Graduada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Católica de Goiás (1990), com atuação na indústria da moda nas áreas de criação (estilismo), gestão e desenvolvimento de produtos (modelagem) em Goiás desde 1986. Exerceu a docência em instituições como SENAI-GO (de 1999 a 2003) e UFG (de 1998 a 2000). Atua na e área de criação e tecnologia do vestuário com ênfase na modelagem de roupas. Advisory Board of Almatourism - Journal of Tourism, Culture and Territorial Development of Univrsità di Bologna, Itália. Atualmente cursa doutorado em Studi Storici, argumento moda, no programa de pós-graduação do Dipartimento di Storia Culture Civiltà da Università di Bologna-UNIBO.

Downloads

Publicado

2018-06-14

Como Citar

NOVAES, M. A. F. A trama têxtil de Villa Platina: Profissões do vestuário no sertão de Minas. Revista História & Perspectivas, [S. l.], n. 57, 2018. DOI: 10.14393/HeP-v30n57-2017-2. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/historiaperspectivas/article/view/32365. Acesso em: 1 dez. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Memórias, ofícios e lutas de trabalhadores e trabalhadoras no Brasil